Malas e Bagagens – Utilidade Publica

Ciao a tutti

Nestes anos todos vivendo aqui na Italia percebi que uma das grandes dificuldades que o povo encontra é em relaçao a malas e bagagens, pois é um tema que interessa nao somente aqueles que pretendem vir à Italia para o reconhecimento da cidadania italiana mas também a todos aqueles que vem a turismo e trabalho.

http://www.malapronta.com.br/blog

Eu por exemplo vim à Itàlia de mochileiro, com minha super hiper mega power mochila de 70 litros, onde cabiam exatamente tudo aquilo que um homem precisa pra sobreviver. Claro que as meninas nao conseguem colocar tudo aquilo que elas precisam numa simples mochila, e talvez por isso sao as que mais sofrem quando aqui chegam, vamos la:

PESO DA BAGAGEM

Uma viagem iniciando-se no Brasil rumo à Itàlia ou qualquer outro pais da Europa dà direito ao passageiro trazer 2 (DUAS) bagagens de 32 quilos cada uma.

Porém, vejam o meu caso: eu vivo na Itàlia e quando compro uma passagem para ir ao Brasil, as regras mudam:

Uma viagem iniciando-se na Europa dà direito ao passageiro a levar 2 (DUAS) bagagens de apenas 23 quilos cada uma!!!

Portanto fiquem atentos, é muito comum ouvir amigos que vivem aqui hà muitos anos confundir-se com estas regras e quando decidem viajar ao Brasil descobrem apenas chegando no aeroporto que o màximo sao 23 quilos em cada mala…

Voos internos Europa

Aqui na Europa existem duas possibilidade de viajar internamente: com companhias tradicionais ou com as companhias baratas -conhecidas como lowcost.

O que acontece frequentemente é que a galera que vem com duas malas com 32 quilos, ao terminar seus respectivos processos de reconhecimento decidem morar em outro pais e descobrem que voos internos tem uma terceira regra:

Cias tradicionais como British, Air France, Lufthansa entre outras permitem ao passageiro 1 (UMA) bagagem de 23 quilos voando dentro da Europa

Cias low-cost como Ryanair, Easyjet, WizzAir, AirOne permitem que o passageiro leve apenas 1 bagagem de 15 ou 20 quilos (dependendo da cia) e aqui està o truque: cada quilo adicional destas cias costumam custar 15 euros o quilo!!!! Portanto muita atençao na hora de escolher a cia aérea pois neste caso o barato pode sair carissimo.

BAGAGENS X TRENS

Outra dica importante é em relaçao aos trens – aqui na Itàlia os trens nao tem porta-bagagens e muitos deles sao mais altos que as plataformas. Isso aconteceu com a Lu quando chegou aqui, vejam o que aconteceu:

Luciana chegou saltitante e contente na Itàlia, vindo de TAM e portanto chegando no aeroporto de Milano Malpensa. Toda feliz pegou o onibus que deixou-a na frente da estaçao Centrale.

O que a Luciana nao sabia é que a grande maioria dos trens sao mais altos do que a plataforma e ela – com suas malas pesadissimas – nao conseguia colocà-las dentro do trem, pois os trens regionais por exemplo tem dois degraus, e fica complicadissimo subir as malas:


Contando com a ajuda de alguns italianos, depois de estar com suas malas dentro do trem outra surpresa – os trens nao contam como porta-bagagem, geralmente as malas sao deixadas nos corredores ou entre os dois vagoes.

Como Luciana tinha acabado de chegar do Brasil, ainda ressabiada de deixar as coisas à toa (aqui é normal deixar as coisas e sair, um dia contarei a voces como é na praia) chegou num determinado momento que tinha que decidir:

a) ir ao banheiro fazer pipi e deixar as coisas ali ou
b) fazer seu pipi nas calças em solo italiano, mas protegendo suas coisas.

Como a bexiga dela falou mais alto, num determinado momento ela largou tudo e saiu em disparada ao banheiro do trem!!! E ao retornar ao seu assento descobriu que as duas malas ainda estavam ali, firmes e fortes!!!

O QUE FAZER COM A BAGAGEM EXCEDENTE?

Ok, seu processo terminou e voce pretende ir para Inglaterra, Alemanha ou outro pais da Europa e nao saber o que fazer com aquele monte de roupas que trouxe, nao é mesmo???

Simples: doe para a Càritas!!!

A Càritas é um òrgao que tem por objetivo ajudar os pobres e necessitados. Em todo territorio nacional existem diversos “cassonetti” que sao locais apropriados para a doaçao de roupas, vejam a imagem abaixo:


Eu mesmo utilizei os serviços da Càritas, pois eu meu primeiro inverno europeu ainda nao tinha condiçoes de comprar blusas e fui atè uma das sedes Càritas, onde recebi roupas novissimas do pessoal, portanto se puderem sempre doem aquilo que nao é necessàrio, pois voces vao descobrir que aqui na Itàlia tudo é muito barato – nao é necessàrio trazer muita coisa do Brasil, pois a maioria das coisas podem ser compradas aqui mesmo.

Ufa, espero ter contribuido um pouco mais com voces, pois bem sei que na hora que estamos planejando nossa viagem, por mais que pensemos em tudo sempre acaba escapando algo, e nada melhor do que quem vive aqui para dar algumas dicas 🙂

Abbracci a tutti e atè o proximo post!!!

 

  • IVETE

    Fábio,
    Itália em Maio. Tenho problemas na coluna por isso reservei hotéis em frente ou ao lado das estações. Minha pergunta é em relação à disponibilidade de guarda-volumes nas estações, preço e segurança. Dependendo da sua resposta, (só reservei metade do período até agora) –
    os próximos hotéis não serão em cidades base, vou chegando, deixando a mala na estação, conheço a cidade, pego a mala na estação e vou pro hotel (ou sigo para outra cidade).

    • Olá Ivete

      E´uma excelente idéia deixar as bagagens nos guarda-volumes, porém verifique se na estação da cidade onde você vai ficar hospedada dispõe deste serviço, pois via de regra somente nas estações grandes isso é possível, ok?

      Abraços e boa viagem!!!

  • Lana

    Olá a todos!

    Minha dúvida é sobre tamanho da mala….Vamos em 3 para Itália em feverieiro.No caso de trem da Trenitália de alta velocidade (até compramos primeira classe imaginando que tenha mais espaço) há possibilidade de cada um ir com uma mala grande de rodinhas…Não que ela vá cheia na ida…mas na volta…
    Provavelmente no compartimento acima do assento não caberá…Nesse caso eles deixam levar mesmo assim ou há um limite de tamanho de mala? E com relação a primeira classe, ela tem mais espaço para a mala?
    Desde já, muito obrigada pelas dicas…
    Lana

    • Ola Lana

      Aqui na Italia nao existe frescura: se a mala nao couber em cima, voce coloca nos compartimentos especificos; se nao couber là, existe um espaço perto das portas e caso ainda nao tenha lugar, faça como a maioria dos turistas e deixe… no corredor mesmo rs

      Abraços e boa viagem!!!

  • Ola Josi

    Isso mesmo: se sua viagem iniciou-se no Brasil voce pode retornar com as mesmas 2 malas com 32 quilos cada uma.

    Sobre a outra mala, voce pode sempre utilizar a Posta Italiana, porém nao vai pagar menos de 100 euros e ainda assim corre o risco da maioria das coisas ficarem presas na alfandega, como perfumes, eletronicos, etc.

    Se voce realmente precisar levar esta mala “extra” convém verificar com a propria cia aérea o valor adicional desta 3ª mala.

    Abraços

  • olá, minha duvida é:eu vim do brasil, entao minha passagem foi comprada lá. pra voltar, posso levar os 32 kg em 2 malas, certo? e outra coisa, estou ja com 2 malas(e uma mochila etc) e ainda nao vou embora…queria despachar uma das malas, tem como fazer? e ja dei coisas pra caritas, mas tem muitos presentes e lembranças q quero mandar e aliviar o peso. pode dar uma sugestão? me falaram da posta, q mandei uns 2 kg. mas agora, sao 30kg! obrigada, aguardo.

  • Ciao Gianca

    Acredito que sò na KLM, nao? Pois acabei de verificar no site da Alitalia e là consta que para classe economica sao 2 malas com 23 kls cada uma, o mesmo no site da Lufhtansa.

    Abs

  • Ola Fabio, somente uma observaçaozinha, nada demais: em minha ultima ida ao Brasil de ferias neste ultimo setembro com KLM (i.e. IT-BR BR-IT) ao chegar ao balcao minha grande surpresa foi que minha viagem custaria €100 mais cara, pois agora è previsto somente um volume de 23kg pra quem compra o bilhete na Europa (falando de classe economica logico). Abraços
    Gianca

  • Este comentário foi removido pelo autor.

  • Ola Mauricio

    Para fazer a declaraçao de presença voce precisa jà ter um local para morar, pois deverà apresentar o endereço no momento em que fizer a declaraçao. Dependendo da questura outros documentos também podem ser exigidos.

    Em relaçao à passagem, o reembolso serà possivel dependendo da cia e do tipo de bilhete que voce comprar. Geralmente bilhetes economicos nao dao direito à reembolso – nao utilizou perdeu.

    Abs

  • Grande Vilson

    Verdade, também jà vi muitas pessoas pagaram mais do que o dobro da passagem somente de excesso de bagagem 🙂

    Abraços

  • Olá Fabio,

    Desculpe-me mas ainda não ficou totalmente clara minha dúvida.
    É muito mais trabalhoso(burocrático) fazer esta dichiarazione do que vir com voo direto?

    Nunca viajei de avião, e com base no que você disse sobre a obrigatoriedade das passagens de IDA e VOLTA, eu posso utilizar somente o trecho de IDA e solicitar reembolso a companhia aérea pois não irei utilizar o trecho de retorno? É possível?

    Abraço
    Maurício

  • Fala Fábio,

    Outro ótimo post com dicas importantes! Vale a pena lembrar que nas companhias low-cost o custo de despachar malas não está incluso no preço da passagem, diferentemente das companhias tradicionais…paga-se uma taxa extra.. e outro detalhe interessante, na Ryanair, paga-se por bagagem despachada, mas a soma de todas as bagagens não pode exceder a 15kgs e não 15kgs cada peça como mts pensam..já vi gente desembolsando uma pequena fortuna por isso..

    Abraços,

    JR.

  • Mauricio

    Um cidadao extra-comunitàrio nao pode vir à Europa somente com passagem de ida, tem obrigatoriamente mostrar a passagem de retorno. Em relaçao a passagem direta ou com escalas x preço depende de vàrios fatores: quem vem fazer o processo sozinho deve simplificar o màximo, pois cada etapa pode ser um fator complicador. Por exemplo, pra fazer a declaraçao de presença, é necessàrio apresentar a carta d’ospitalità ou a cessione di fabbricato (depende de cada questura), e quem vem fazer sozinho geralmente faz estes documentos APOS conseguir um imòvel. Agora imagine vir com voo com escalas e ter 8 dias para encontrar um imovel e conseguir os documentos necessàrios para fazer a declaraçao de presença…

    Abs

  • É pois é, mas será que vale a pena gastar quase R$3.000,00 (TAM) na passagem Brasil-Milão (direto) só para não ter que fazer esta “declaraçãozinha” ou é mais VANTAJOSO comprar a passagem por R$2.000,00 (TAP)e fazer as devidas escalas ?!?!?!

    Outra dúvida: reparei que as passagens (ida e volta) são bem mais baratas que as somente de ida. Logo, será que vale a pena comprá-las mas não se utilizar dos bilhetes de retorno ao Brasil (pois quero ficar na Itália após o término do reconhecimento!). Neste caso haverá cobrança da taxa “no-show”, não é? Será que sairá mais cara que se comprasse somente o voo de IDA a Itália?

    Obrigado novamente Fábio.
    Mauricio

  • Ola Mauricio

    Sim, independente de trocar de aeronave em Portugal, voce pode levar 2 malas, pois é apenas uma conexao

    Vindo com voo direto voce economiza uma etapa – a declaraçao de presenza. Fazendo escala noutro pais, voce deverà trazer um seguro-saude e apresentar-se na questura entre 8 dias da sua entrada para fazer a declaraçao. Com voo direto nao.

    Abraços

  • Olá mestre Fábio.

    Lendo a este tópico surgiram algumas dúvidas.

    Se meu voo for com escala, partindo do Brasil, escala em Portugal e de lá para a Itália, a regra das 02 malas com 32 Kg cada, estaria ainda valendo? Pois pela “teoria” eu estaria iniciando um novo voo em solo Europeu (de Portugal a Itália), certo….!?!?

    Outra dúvida, agora relativa ao processo de cidadania.
    Há muita diferença (leia-se por complicação/burocracia) para fins de início do processo de cidadania, fazer um voo direto Brasil-Itália e fazer um voo com escala em qualquer outro país europeu? (pois li uma vez em seus post’s que tinha de fazer, se não me engano, uma espécia de dichiarazione para quem vem dos Países do tratado Schengen (algo assim)…..

    Agradeço-te desde já pela atenção, OBRIGADO
    Abraços
    Mauricio Delagustin

  • Ola Flor

    Jà passei perto vàrias vezes, caso queira podemos ir buscar uma nova cetidao de nascimento do seu antenato, dai aproveitamos e tiramos fotos e fazemos um video, caso queira me mande um email no fabiosaga@minhasaga.org com os dados que eu te mando um orçamento, ok??

    Abraços!!!

  • Fábio, me desculpa por atropelar este post com outro assunto.. Por acaso você conhece, ou já ouviu falar numa cidadezinha chamada Mason Vicentino – Vicenza…. É que meu nono nasceu lá e tenho curiosidade de saber um pouco mais sobre a região, mas pela visão de um brasileiro. Obrigada! http://www.umdianocampo.blogspot.com

  • Grande Jonathan

    Eu nunca viajei com a mochila aqui dentro da Europa, como citou o Cesar, eu comprei uma mala exatamente com as dimensoes solicitadas pelas cias, assim eu nunca despacho malas, quando faço viagens curtas levo apenas uma mala de mao, com no màximo 10 quilos!!!

    Porém tenho clientes que despacharam a mochila tranquilamente como uma bagagem, però sempre respeitando o peso màximo de 15 ou 20 quilos dependendo da cia.

    Abs

  • Ciao Davinha

    Mamma mia, è verdade, quem diria que depois de tanto sofrimento chegariamos onde chegamos, nè????

    Parabéns pra todos nòs!!!

  • Olá Fábio,

    uma informação importante nos Low cost é que além do limíte de 10Kg que será levado no bagageiro superior do avião, devemos nos atentar as medidas da mala:55 x 40 x 20

    “È consentito tassativamente un solo bagaglio a mano per passeggero (neonati esclusi) con un peso fino a 10 kg e con dimensioni massime di 55 x 40 x 20 cm (borse, ventiquattro ore, laptop, sacchetti con acquisti, fotocamere, ecc. rientrano nell’unico pezzo di bagaglio a mano consentito)”.

    Lembro que quando estava no aeroporto , eles tinham um local para vc encaixar a mala e ver se ela estava no tamanho correto.

    Espero ter contribuido.

    Att,

    Cesar

  • Então, estou pensando em ir com uma mala de 70 litros, será que ela bate os 20kg? Como você fazia no começo?

  • Esse post fez uma viagem ao tempo. Lembra de nos 5, andando no frio levando a mala de 32 kg pra Caritas e o Joao triste sem a mala dele? saudades daquela epoca, qdo comecamos todos nos nossa vida por ai. bj de saudades! nos 3