Thiago Sessegolo – diretamente de Dublin na Irlanda

Ciao a tutti!

Já tivemos muitos clientes que vivem / ou viveram na Irlanda e todos eles tem algo em comum: simplesmente amam aquele país. Me lembro particularmente de algo que o Eduardo, um dos nossos CAB's (Clientes Amigos do Blog) nos disse: “- o irlandês é um inglês simpático” rsrsrs

E hoje tenho o prazer de apresentar a vocês mais uma pessoa que também vive no país da Guinness e que tivemos o prazer de contribuir com o reconhecimento da sua cidadania italiana: o sr. Thiago Sessegolo:

Uma das coisas que mais temos orgulho é quando um cliente chega indicado por outro – o que mostra que nosso trabalho é valorizado! O Thiago chegou e a primeira coisa que nos disse foi: – Gente, eu não entendo muito sobre o processo de cidadania, porém confio plenamente no trabalho de vocês, pois a La encheu vocês de elogios (a La é a Larissa Brenner, que fez o processo conosco no início deste ano).

Como a Larissa é uma daquelas pessoas extremamente felizes e alto astral, não tínhamos dúvidas que o “indicado” Thiago também seria – e não deu outra, foram muitas, mas muitas risadas!!!

E finalmente chegou o dia tão esperado, vejam o momento em que ele assinava a sua cidadania, com a devida pose pro blog claro rsrsrs

Pinta de galã da Globo rs

Vejam a felicidade do garoto:

Coincidência?

Uma curiosidade sobre o processo do Thiago foi a emoção com ele recebeu a notícia que os documentos tinham chegado e que ele iria assinar em breve – algo completamente contagiante! Ver um cliente sem palavras, apenas com um enorme sorriso no rosto tentando processar as informações apenas recebidas é o que faz o nosso trabalho ser tão gratificante e tão especial!

Outra situação que ele compartilhou conosco foi quando ele vivia já na Irlanda com seu visto de estudante – como a maioria dos brasileiros que também estão lá – e soube de uma vaga de emprego muito bacana, para trabalhar com algo muito melhor do que ele já trabalhava e que com certeza o ajudaria a se estabilizar por lá.

Foi até a agência, conversou com o recrutador que simplesmente se encantou com ele, com o seu nível de inglês e com a sua capacidade e vontade de crescer profissionalmente. Porém quase no fim da entrevista, o recrutador perguntou então qual era o status imigratório dele no país, e quando soube que ele tinha apenas o visto de estudante (que não permite trabalhar regularmente full time) fechou a pasta, se desculpou e disse que mesmo tendo gostado muito dele e do seu currículo, sem um visto melhor ou com a cidadania européia não teria como contratá-lo…

Este foi um dos principais motivos que o fizeram vir a Italia e obter a sua cidadania européia, e hoje com essa conquista, o céu é o limite rsrsrs

Agradecemos ao Thiago pela oportunidade que nos deu de acompanhar esta sua vitória, desejamos muita sorte nessa sua nova vida e com certeza em breve iremos a Dublin tomar alguns copos de Guinness com ele e com a Larissa!!!

Abraços a todos e até o próximo post 😉

 

  • Bruna Schreiner

    Olá, tudo bem? Tenho uma duvida, morro na irlanda fazendo intercambio e gostaria de saber se posso dar entrada na minha cidadania no consulado italiano daqui mesmo?

  • Kézia

    Tenho uma duvida…eu estou querendo ir para a Irlanda fazer intercambio……no caso seria mais facil eu ir p Irlanda primeiro e obter a minha cidadania na italia? ou continar aqui no Brasil e tirar na Italia e so depois ir p Irlanda? alguma dessas opcoes interfere no tempo ou custo? Obrigada!

    • Olá Kézia, na verdade a melhor forma seria você reunir todos os documentos necessários no Brasil, vir a Italia e reconhecer a sua cidadania e depois disso já ir a Irlanda como cidadã européia, gozando de todos os benefícios, como por exemplo não ter que comprovar nada financeiramente e sem encheção de saco, pois cidadãos europeus não passam por imigração 😉

      • Priscila Nunes

        Oi Fábio, tudo bem??? sobre o assunto… Eu e meu esposo estamos planejando ir para Irlanda estudar inglês, contudo estamos iniciando o processo da cidadania Italiana dele.
        Minhas dúvidas são:
        – Ir para Itália, iniciar o processo e deixar para a assessoria finalizar. Depois ir direto para Irlanda com visto de turista e quando sair a cidadania dar entrada como cidadão europeu e com meu visto de acompanhante stamp 4. Isso é possivel? Ou teremos problema?
        – se ficarmos na Itália esperando a cidadania sair tenho medo de passar dos 90 dias e eu não conseguir permanecer com ele aguardando.
        – se ficarmos 1 mês na Itália, e depois 2 meses na Irlanda, poderemos retornar na Itália e ficar por mais 2 meses dando os 90 dias permitido?? Isso nos daria um prazo de 5 meses legalmente na Europa??

        Agradeço infinitamente por sua ajuda!

        Abraços,

  • ladjane Parmera

    Parabéns para nosso colega Thiago que Graças aquele lá de cima Pai nosso Senhor, e aqui em baixo nosso Embaixador, parceiro e amigo Fabio Saga, muitos conserteza abrirão sempre sorrizos de alegria, com este feito, e quem sabe eu não serei a proxima. Parabéns Thiago sua estrela continuará a brilhar no sol da Toscana.

  • Oi, Thiago! O recado è pra vc e nao pro Fabio, hahaha. Eu tb moro na Irlanda, mas ja vim pra ca com cidadania! Essa vaga ai que vc perdeu, relax.. agora com a cidadania realmenet as cosias ficaram mais faceis. Se vc fala ingles bem entao..puff!

    Eu trabalho na area aqui, sou designer em uma empresa e sou registrado como europeu e tudo mais. Tudo certinho!

    Nao se esquece de se registrar no AIRE, hein?