Retificação de Documentos Passo a Passo

Imaginemos a seguinte situação: você começou a reunir as suas certidões de nascimento, casamento e óbito – seguindo os passos que o Saga escreveu quando de repente percebe que entre as certidões existem diversos erros ou variações.

No meio do desespero escreve pro Fabio Saga pedindo para que ele faça uma análise dos documentos e o resultado era exatamente aquele que você temia:

Seus documentos contém erros e/ou variações que precisam ser corrigidos, segue abaixo a lista destes erros.

Depois de alguns momentos de pane total, você cai na real e se pergunta:

– Mas como raios eu vou fazer isso?

Tem que contratar advogado?
Posso pedir diretamente no cartório?

Como analiso centenas de pastas de documentos todos os meses (não errei não, são realmente centenas!) e em alguns casos quando mando a lista do que deve ser corrigido a pergunta seguinte do leitor é claramente a mesma anterior: o que é e como fazer a tal retificação.

RETIFICAR, O QUE SIGNIFICA?

retificação de documentos

A palavra retificar significa corrigir. No nosso caso específico, que é o reconhecimento da cidadania italiana, quando falamos que devemos retificar os documentos estamos dizendo que os documentos que devem ser apresentados para comprovar a nossa ligação com o cidadão italiano que emigrou (antenato italiano) contém erros e/ou alterações e devem ser corrigidos, para que todos os dados fiquem uniformes.

Exemplo prático: na certidão de nascimento do seu antenato italiano, consta que ele se chamava Giuseppe Barbieri e no Brasil a sua certidão de casamento consta seu nome como Giuseppe Barbero.

Vejam que o sobrenome Barbieri é completamente diferente de Barbero e por causa disso, o oficial do comune pode ter dúvidas de que se trata da mesma pessoa. “E se esta pessoa pegou o documento italiano errado?” é a primeira coisa que ele vai pensar.

Não vou discutir aqui a necessidade ou não das retificações, se quiserem saber mais sobre isso basta ler o artigo Dúvida Geral: Retificar ou não erros e variações.

1º PASSO – CONVERSAR NO CARTÓRIO

Muita gente não sabe, mas os cartórios tem autonomia para corrigir registros de nascimento, casamento e óbito a pedido do interessado – neste caso chamamos de retificação extrajudicial.

Claro que isso depende do erro: quando se trata de erros evidentes e de fácil constatação (a lei cita “erros que não exijam qualquer indagação para a constatação imediata de necessidade de sua corração”) o próprio cartório pode corrigir o ato de forma administrativa.

O problema é que não existem critérios, quem decide se um erro é evidente ou não é o oficial do cartório, a palavra final sempre será dele.

Se aceitar corrigir, te dará um requerimento para que assine e anexe os documentos que comprovam o erro – geralmente a certidão italiana, traduzida para a língua portuguesa.

Neste caso, o próprio cartório encaminhará o pedido ao Ministério Público, que terá 5 dias para se manifestar.

Se a resposta for positiva, o cartório fará a retificação do registro e você poderá pular de alegria, por ter economizado seu rico dinheirinho…

2 º PASSO – SE NÃO HOUVE ACORDO COM O CARTÓRIO, CONTRATAR UM ADVOGADO

Se o cartório não aceitou o seu pedido ou se aceitou, mas o Ministério Público deu parecer negativo ao pedido administrativo do cartório (infelizmente pode acontecer), o seu processo de retificação deverá ser judicial.

Neste caso, você deverá ser assistido e representado por um advogado.

Este advogado te pedirá todas as provas que comprovem que realmente existem erros nos seus documentos e fará um pedido oficial (chamado petição) solicitando para que um juiz determine (através de um documento chamado mandado) a correção dos erros ao cartório.

Neste mandado deverá constar claramente os dados do registro civil e os elementos a serem retificados, juntamente com a data da sentença, o nome do juiz que a proferiu e também o número do processo.

FINALIZADO O PROCESSO, PARECER FAVORÁVEL E AVERBAÇÃO

retificação de documentos

Quando o processo é finalizado, o juiz dá o seu parecer favorável através de uma sentença, determinando que o(s) cartório(s) corrija(m) os tais erros.

O fórum emitirá os mandados, assinados pelo juiz, e os entregará ao seu advogado.

Neste momento, você (ou seu advogado) deverá levar a cada cartório o respectivo mandado com a ordem do juiz, pagar as taxas do cartório e esperar então que a correção fique pronta.

Quando o cartório te avisar que está tudo ok, você vai até lá e solicita uma nova certidão em formato “em inteiro teor“, onde constará a devida averbação – que nada mais é do que o nome chique para dizer que consta na margem do registro as informações referentes à correção dos dados previamente incorretos

COMO ESCOLHO O ADVOGADO? PODE SER QUALQUER UM?

Qualquer advogado pode te ajudar; melhor se ele for especialista ou que pelo menos tenha já realizado um processo deste tipo.

Para ajudar a comunidade da Minha Saga na escolha de um bom profissional, temos um projeto piloto, onde atualmente temos cerca de 50 profissionais de norte a sul do país que se cadastraram aqui no nosso blog oferecendo seus préstimos!

Caso queira indicação de algum deles, preencha o formulário abaixo, com a região onde precisa de um profissional, que eu te mando a lista dos profissionais cadastrados na Minha Saga para sua escolha.

OUVI FALAR QUE DEMORA, É VERDADE?

Depende da sorte!

Como qualquer outro tipo de processo judicial, o tempo vai depender das variáveis envolvidas.

Se você tiver sorte do seu processo cair em uma vara rápida, com um promotor e juiz que já tenha julgado um processo de retificação – ou seja ítalo-brasileiro também – com certeza o processo será muito rápido.

Por outro lado, o inverso também pode ser verdadeiro: se cair com um promotor ou juiz ruim, atolado de outros processos ou ainda se você mora numa cidade pequena com poucas varas, pode demorar mais.

CONCLUSÃO

Como eu sempre digo: na dúvida corrija sempre os seus documentos, pois somente desta forma você não precisará contar com o bom (ou mau) humor de um funcionário público italiano em aceitar ou não seus documentos.

Ps. Como não sou advogado, contei com a orientação e revisão deste texto do Mauro Stangorlini, especialista em retificação de documentos para fins de cidadania. Grazie mille Mauro – a comunidade Minha Saga agradece pela ajuda


SOLICITAÇÃO DE INDICAÇÃO DE ADVOGADO

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Sua mensagem

  • Felipe Dal’Bó

    Fábio, tudo bom? Preciso muito da sua ajuda. A certidão do antenato italiano está da seguinte forma:

    DAL BÓ ANTONIO
    (nomi successivi al primo VITTORIO)

    Estou retificando os documentos, porque aqui no brasil o italiano ficou como Victorio Dal Bo, não constando o Antônio. Irei retificar, mas não sei se é Vittorio Antonio Dal Bo ou Antonio Vittorio Dal Bo. Por favor, saberia me dizer qual é a forma correta?

  • Yago Zani Segrini

    Olá Fabio, vamos la.. a minha situação nao é muito diferente..
    Na Certidão do meu Tataravô itaiano, esta como Pietro Antonio Zanni, esse nome permanece até certidão de óbito no Brasil que ja fora retificada por outra parte da família, nos documentos Brasileiros ( certidões dos filhos e netos) onde aparece o nome dele esta como Pedro Zani( veja que o sobrenome possui agora apenas 1 N ).

    Pietro Antonio, não se casou apenas viveu junto, o nome da Esposa correto é Christina Lusvarge, como nao casou obviamente nao recebeu o sobrenome do marido, porem nos brasileiros esta como Christina Losnardi Zani e em outros Christina Zani apenas.
    Será que preciso retificar ? Ela por nao passar o sobrenome, nao sei se existe necessidade, mas como é ele quem passa, talvez precise. Grato

  • Camila Pastorello

    Ola Fabio, uma ajuda…
    Meus documentos ja foram entregues na comune e contem erros que na minha presenca disseram que estaria ok, mas fui convocada a comparecer la novamente, ainda nao sei do que se trata…Pergunta. E possivel que seja solicitado retificacao uma vez que os documentos ja foram protocolados na commune?
    Grazie.

  • Andrea

    Olà Fabio! O meu problema è o seguinte fui registra meu casamento realizado aqui na Itália, no consulado Brasileiro.passar anos meu passaporte si venci e renovo sempre no consulado. Chego em casa e veijo o sobrenome do meu marido no meu passaporte e também no registro Brasileiro,retorno no consulado eles mi explicam q não podem mudarem nada pq o tempo pra isso era de seis meses . Devo ir no Brasil pra fazer a transcrição é só ali posso mudar. Agora o que tenho q fazer? Visto q agora preciso do meu passaporte pra da entrada na minha cidadania! Mi pode dá algum diretas pq fiquei verde com essas novidades. Um saluto Andréa

  • João Evandro

    Fábio, parabéns pelo Blog!
    Depois de muita busca, encontrei o registro de nascimento do meu bisavô (consegui cópia do prontuário de imigrante junto ao Arquivo Nacional). O seu nome, aqui no Brasil, consta em todas as certidões (casamento e óbito) como GENARINO MAZZEI, ao ponto que o seu nome correto é GENEROSO MAZZEI.
    Tentei fazer a retificação pela via administrativa, conforme você orientou, porém o promotor não aceitou.
    Esse erro é impeditivo para obtenção da cidadania?
    Abraço!

  • MARILEIDE ALVES CORDEIRO DA SI

    Ola Fábio, o primeiro registro que o cartorio emitiu como 10/12/1965 porém na segunda via ele mudou o dia do nascimento para 03/12/1965, eu gostaria q eles emitissem a 3 via em 10/12/1965 para ficar tudo nos conformes o que eu deveria fazer???

  • Liv Liv

    Olá Fabio! Primeiramente gostaria de agradecer ao serviço prestado através dos vídeos e do blog. O meu caso é diferente dos mencionados no texto e nos vídeos. Tentarei explicar.
    Meu antenato italiano, meu bisavô Angelo Raffaele Iannotti, filho de Ferdinando Iannotti e Giovanna Iannotti, teve seus documentos no Brasil (certidões de casamento e óbito) como Angelo Janotti, e o nome dos seus pais como Fernando Janotti e Joanna Janotti (já sei que nomes “abrasileirados” não precisam ser retificados). Entretanto, o sobrenome foi passado corretamente, meu avô é Iannotti, assim como meu pai e eu. Estou com todos os documentos em mãos e nos documentos do meu avô, o sobrenome do meu antenato volta a ser correto (???) porém ignoraram o Raffaele do seu nome, consta apenas como Angelo Iannotti em todos os documentos!
    Também notei alguns erros que não são de datas, mas sim de informações, por exemplo, na certidão de óbtio do meu antenato, consta que o mesmo morreu aos 71 anos, mas fazendo uma conta das datas, ele tinha 81 anos, assim como a sua certidão de casamento que consta que ele tinha 22 anos e sua esposa (minha bisavó) 16 anos, novamente calculando segundo as datas, eles tinham 21 e 15 anos, respectivamente. Ou seja, não é um erro de data!
    Estou em dúvida do que fazer, se não for necessário acrescentar o Raffaele em cada documento, seria uma retificação simples, administrativa. Podem me ajudar?? Já viu algum caso igual a esse?

    • Liv como eu falei no vídeo: nem eu, nem qualquer outra pessoa que não seja o oficial do comune onde você pretende dar entrada pode responder qualquer dúvida sobre erros e variações. Na dúvida, corrija tudo!

  • Marco Atanásio

    Ola, Fabio boa tarde!

    Meu Bisavô chamava na Italia “Rizza Giovanni Batista Giuseppe” porem na certidos Brasileiras esta “Joao Baptista Rizza e Joao Batista Rizza” preciso de retificaçao de nome?

  • Cleyton Tonholi

    Olá Fábio, excelente artigo e facil de entender!

    Tenho uma duvida. Encontrei a certidao de nascimento meu bisavô e dos descendentes no Brasil ficou ligeiramente diferente.
    Do meu bisavô é TUGNOLI e dos descendentes ficou TONHOLI.

    Como vc recomenda pedir a retificação extrajudicial? Quero dizer, quais argumentos podemos usar para embasar este pedido para que o cartório entenda que ele tem poder para retificar (e não direcionar automaticamente para via judicial).

    Pois infelizmente tem alguns “profissionais” que não tem muito interesse trabalhar – nos prejudicando no final.

    Abraço!

  • Melissa Spedo

    Olá meu nome é Melissa Spedo, estou fazendo meu processo de cidadania e por intermédio do Fabio Barbiero que me indicou alguns advogados especialistas em retificação, dois quais duas advogadas se destacaram e gostaria de compartilhar seus contatos para aqueles que estiverem sem indicação de advogados em Minas Gerais. São elas: Ana Luiza Patrizi Cobra Magalhães (lizapraticio@yahoo.com.br), Valéia Silveira (sgvaleria@outlook.com). Não estou ganhando nada com isso, a não ser de prestigiar o trabalho delas e ajudar alguns de vocês que porventura estejam precisando de uma indicação de advogados especialistas em Minas, e é claro. E se tudo der certo, como vem dando pra mim, agradeçam ao Fabio Barbiero, pois tudo que tenho feito, tem sido por orientação e indicação dele. Abs

  • Daniel

    Olá Fábio,

    A minha situação é um pouco diferente, não sei se já se deparou com algo assim.
    Eu já obtive acesso às duas certidões italianas necessárias do meu antepassado, de batismo e casamento (o óbito foi no Brasil). Contudo, a certidão de Batismo está correta, constando o nome Giovanni Battista. Já na certidão de casamento, o nome está como Gio Batta, ao invés de Giovanni Battista. O sobrenome estão corretos em ambas. Verifiquei que Gio Batta nada mais é que um tipo de apelido para Giovanni Battista. Nesse caso o que eu posso fazer? Pode haver algum problema no processo na Itália?

    • Olá Daniel para efeitos práticos não existe nenhuma diferença entre estar escrito Giovanni Battista e GIo Batta, fique tranquilo 😉

  • Sarah Chist

    Ola Fábio,
    boa tarde gostaria de uma informação sua ,estou querendo tirar a cidadania pelo meu trisavô o nome dele esta certo em todos os documentos ate a mim ,mas o da minha trisavó o primeiro nome esta errado o sobrenome esta certo , Preciso corrigir ? cedo que estarei tirando a cidadania pelo meu trisavô ?

    Obrigada

    Atenciosamente Sarah

  • Mariane Caetano

    Olá Fabio. Preciso muito tirar uma dúvida. Meu antenato casou no Brasil em 1886, então só possui certidão religiosa. Porém está certidão da paróquia apresenta vários erros. É possível pedir correção dessa certidão religiosa? Como proceder?

    • Olá Mariane é sim, basta conversar com o pessoal da cúria. Abraços

  • Gisele Tereza Pinto

    No caso de retificação de estado civil em certidão de óbito. Ao invés de solteiro, deveria constar união estável. Como proceder? O cartório pode retificar/averbar?

  • Bárbara

    Boa tarde Fabio
    O meu antenado é meu avô (Toribio). O pai dele chamava Salvatore, porém na certidão de casamento do meu avô, o nome foi abrasileirado para Salvador, e na certidão de nascimento do meu pai acontece o mesmo caso. Será necessário retificar o nome do meu bisavô mesmo não sendo ele o italiano no qual passaria a cidadania para mim, e sim o meu avô?
    Obriga

  • André Santoro

    Olá Fabio, parabéns pelo serviço que presta a todos nós!
    Obtive a certidão de nascimento de meu antenato: Francesco Maria Santoro. Só que apenas Santoro é sobrenome. Nos registros dos documentos de casamento e óbito e dos descendentes consta Francisco Santoro. Já vi por uma resposta sua aqui mesmo que o Francesco/Francisco caracteriza como “abrasileiramento”. Gostaria de saber se tenho que retificar os documentos brasileiros para a inclusão deste Maria. Pelo o que vi na certidão, consta Maria como parte do nome principal e não como parte do sobrenome. Terei que retificar os documentos brasileiros?
    Obrigado! Andre Santoro.

    • Thiago

      De onde é seu Francisco Santoro? Tenho um caso parecido em Itamonte mg

      • André Santoro

        Já resolvi. Ele era de Fuscaldo (Cosenza).

        • Thiago

          E ele foi pra Minas Gerais (Itamonte, Pouso Alegre, etc)? Veio pelo Rio de Janeiro RJ? Obrigado

  • Luiz Fernando Grijo

    Olá Fábio,
    acabei de conseguir a certidão de nascimento italiana de meu bisavô e com ela veio a constatação de que meu sobrenome, assim como o de meu pai e avô, estão errados: deveria ser (ou é) Grigio e não Grijo como somos registrados. A pergunta é: eu preciso retificar todos os documentos (de meu bisavô, avô e pai) quanto À questão da grafia de nosso sobrenome? Com a certidão de nascimento italiana de meu bisavô, terei que retificar sua certidão de casamento e óbito quanto a sua data de nascimento. Pergunta 2: Já que vou retificar esses documentos quanto à data de nascimento, seria melhor retificar quanto ao sobrenome também? Pergunta 3, se me permite abusar: O Certificado de Negativa de Naturalização também precisa constar com o “novo” sobrenome?

    Muito obrigado pela atenção.

  • Alessandro Nascimento

    Ola Fábio,

    A documentação do meu antenato tem um erro na grafia do sobrenome. Em contato direto com o cartório eles falaram que poderiam retificar por via administrativa, mas para tanto eu precisaria pegar a certidão italina dele que tenho e que foi emitida recentemente pelo comune italiano e realizar a legalização, o que agora seria o apostilamento na Itália, uma vez que o consulado de Milão não mais executa tal legalização após a entrada do Brasil na Convenção de Haia. Ou seja, da mesma forma que não precisamos mais legalizar com consulado italiano o Brasil o contrário também é recíproco.
    Eu não consegui encontrar alguém que faça esse tipo de serviço. Você saberia alguém que execute isso que poderia indicar?

    Atenciosamente,

    • Elissandro Morozini

      Olá Fábio,

      Com relação a retificação na via administrativa, considerando que as alterações na Lei nº 6.015/73, feitas pela Lei nº 12.100, de 27 de novembro de 2009, tem a finalidade de desafogar o judiciário, você tem verificado que as pessoas tem tido êxito quando buscam diretamente os cartórios? Com o passar dos anos e os cartórios já tendo se adequado a este processo as coisas estão mais fáceis ou ainda há muitos casos em que se nota má vontade?

      Por fim, assim como o Alessandro, caso o cartório solicitar a legalização da certidão de nascimento expedida pelo comune, a quem devo recorrer (ao Consulado?). Tem fundamento essa exigência do cartório?

      Muito obrigado desde já!

      • Olá Elissandro tudo bem?

        Sim, inúmeros leitores e alunos tem conseguido retificar diretamente nos cartórios. Em relação ao apostilamento do documento italiano, isso é feito na prefettura do local onde este comune é localizado. Abraços

  • isabela kelley

    Fabio,
    É melhor pedir todas as certidões em inteiro teor, antes de retificar as que estao com erro? Tenho as certidões normais, e já vi erro na de óbito e de casamento. Não sei se faço a retificação nessas antes de pedir em inteiro teor ou se pego todas em inteiro teor e depois retifico.

    • Olá Isabela, você precisa solicitar todas as certidões em inteiro teor, antes de mais nada, pois somente com elas em mãos será possível verificar quais erros e variações estão contidas ali. Nas certidões simples não podemos ver tais erros. Abraços

  • Bruno Pierri

    Bom dia Fabio parabéns pelo seu trabalho!

    Após muita pesquisa, não consegui encontrar um caso semelhante ao meu. Meu antenato é meu bisavô e se chamava Luigi Pierri, e a mãe dele Giuseppa Pierri, como consta na certidão de nascimento italiana dele (que já possuo).

    Ele veio sozinho ao Brasil com 19 anos, e na certidão de registro civil colocaram o nome dele correto, porém o nome da mãe abrasileiraram para Josefa Pierri. Todos os documentos posteriores, inclusive o do meu avô, filho do Luigi, constam o nome Josefa Pierri, portanto há uma disparidade entre a certidão de nascimento italiana do meu bisavô e a certidão de embarque, que influenciou os documentos posteriores.

    Como posso resolver esse problema? É possível retificar essa certidão de registro civil pela via administrativa? Ficaria muito agradecido se me ajudasse, pois já tenho todos os documentos em mãos e pretendo tirar minha cidadania na itália assim que possível, utilizando seu livro como base.

    Abs,

    Bruno Pierri

  • Alfredo Barboza

    Olá como vai, li sua historia e estou com o mesmo problema o nome da minha bisavó era Veronica Ruffato e no Brasil virou Ambrosia Ruffato vc conseguiu alguma solução para o seu caso deu certo de vc tirar a cidadania.

  • Alfredo Barboza

    Olá como vai, li sua historia e estou com o mesmo problema o nome da minha bisavó era Veronica Ruffato e no Brasil virou Ambrosia Ruffato vc conseguiu alguma solução para o seu caso deu certo de vc tirar a cidadania.

  • LucasCM

    olá. parabéns e obrigado pelo site. tenho 2 problemas com grafia de nomes. 1 – minha bisavó (casada com o antenato italiano) aparece com 4 variações de nome e sobrenome em 4 certidões, mas como é mulher acho que é menos grave, correto? 2 – meu bisavô, o italiano, que nasceu EDOARDO MARTINELLI na Itália no Brasil aparece sempre com o lindo nome de REDOBALDO MARTINELLI. Você acha que é um caso de “abrasileiramento” como edoardo > eduardo? Caso negativo, acha que seria possível alterar a certidão de nascimento italiana (o que me parece que seria mais barato que mudar 6 certidões brasileiras já em inteiro teor)? Desde já muito obrigado.

  • Pollyana

    Olá, Fábio. Parabéns e muito obrigada pelo blog!
    Li os comentários e não achei algum caso parecido com o meu.
    No meu caso, não há variação nenhuma quanto ao sobrenome (Tiussi), e o nome do meu antenato foi apenas traduzido de Pietro para Pedro. Até aí tudo bem, o problema é que na certidão de nascimento o nome dele é Pietro Giovanni Tiussi, e a partir da certidão de casamento e das seguintes virou Pedro Tiussi. O Giovanni foi retirado, mas as datas todas batem, nome de pai e mãe, tudo certo. Nesse caso preciso retificar?
    Obrigada

  • Andrea Lorena

    Boa noite, Fabio
    Diferente do pessoal do blog, sou natural da Argentina e filha de brasileira. Optei por nacionalidade brasileira quando completei maior idade, através de processo judicial. Na minha certidão de nascimento argentina meu nome consta como Andrea (sem acento), enquanto meu registro de cartório daqui do brasil consta Andréa. Posso solicitar a correção ou devo aceitar por ser ”abrasileiramento”? Meu cpf e título de eleitor constam Andrea e meu rg Andréa.
    Isso pode trazer algum tipo de problema?

  • Italo Dal’Mas Neto

    Bom dia Fábio. Eu já possuo a cidadania italiana. Entrei na fila do consulado de São Paulo em 2004. Em 2014 consegui o almejado reconhecimento. Minha namorada esta correndo atrás da cidadania, mas no caso dela, ela irá fazer direto na Itália. Já vimos todos os vídeos da Saga, aquela maratona que vc postou em Janeiro. Também já lemos o Sagabook Brasil. Nossa ideia é acertar toda documentação no Brasil. Na Itália, devido a questão de residência e mesmo ao idioma que ainda não domino 100%, vamos contratar um consultor.
    Tenho duas perguntas:
    1-Você poderia prestar esta consultoria ai na Itália?
    2-Em relação a retificações: A bisavó da minha namorada, que casou na Itália com o antenato italiano, tem os seguintes nomes nas certidões.
    a)Estrado Dell’Atto di Matrimonio: Isolina Minuzzi
    b)Certidão de Óbito: Izolina Minucci
    c)Outras Certidões dos Descententes (Avó,Mãe): Izolina Minusso
    É importante frisar que não é a bisavó que transmite a cidadania e o sobrenome, no caso é o Bisavô, Giuseppe Fantin.
    Eu até expando essa pergunta, o pai da minha namorada é descendente de lituano, existem variações no nome dos pais dele em diferentes certidões, mas os mesmos nada tem que ver com o antenato, o qual é transmitido pela mãe.
    A transmissão da cidadania no caso da minha namorada é Bisavô-Avó-Mãe-Filha.
    A pergunta é: Nestes casos, e em casos de pessoas que não estão na linha direta do antenato, é necessário retificar?
    Sei que cada Comune tem seu critério, mas acredito que tais retificações não fazem sentido.
    Parabéns pelo trabalho!

  • Fab Ian O

    Olá Fábio! Parabéns e obrigado pelo seu trabalho! Tô com uma dúvida aqui, tenho a certidão de casamento do meu antenato (bisavô) que já está corrigida, acho que alguém já deve ter feito o processo, conversei com parentes mais próximos e não foram eles, mas isso é outro assunto!
    Queria mesmo saber se, com a certidão de casamento já corrigida, eu consigo pedir para os cartórios corrigirem as certidões seguintes até chegar na minha? Não sei se expliquei direito, espero que sim! Valeu, forte abraço!

    • Sim, você deve pedir aos cartórios para seguirem a mesma correção já feita anteriormente. Se eles se negarem, então você vai precisar entrar com um pedido judicial. Abraços

      • Fab Ian O

        Muito obrigado Fábio! Seu trabalho é realmente fantástico! Abraço!

  • Fernanda Luiza

    Oi, Fabio! Oi Pessoal! Minha dúvida é como proceder depois que eu tive o MEU sobrenome alterado também, após o processo judicial para alterar o do italiano e todo mundo na linha de descendência…
    Digo isto porque moro no Canadá e não consigo fazer outro RG aqui.. precisaria ir ao Brasil. E como não consigo fazer outro RG aqui, também não consigo tirar um novo passaporte. Meu medo é quando os documentos chegarem na Itália, eles perceberem que meu nome ainda está com os dados antigos..
    Seria problema?

    Outro detalhe interessante.. já é a segunda vez que tiro CNN (porque a primeira é muito antiga, tentei tirar outra ontem) e quando vou validar a mesma no site, o campo “Nome Interessado” aparece com [NÃO POSSUI] ao invés de meu nome… O site está com problema ou será que já está acusando a inconstância nos meus documentos (considerando que os cartórios podem ter comunicado a alteração judicial e eu ainda não atualizei nada?).

    Obrigada!!!

  • adriano kolchraiber

    boa noite fabio

    no meu caso é parecido porem meu avó era alemão, e seu sobrenome KOHLSCHREIBER, quando registrou meu pai no Brasil o cartório errou colocando KOLCHRAIBER, como naquela época pouco importava ficou por isso mesmo, e todos meus irmãos acabaram ficando com o nome errado tbm. mas eu gostaria de arrumar. isso seria possivel?

  • Guilherme

    Olá Fábio,
    Gostaria de saber como proceder no meu caso, o sobrenome do meu antenato italiano (bisavô) era Cestaro e o sobrenome de meu avô chegando até mim é Castari. Grato desde ja!

    • Olá Guilherme

      Tudo vai depender do comune onde você pretende dar entrada no seu processo; existem aqueles que aceitam pequenas variações, assim como existem outros que exigem que todos os erros sejam corrigidos.

      A minha sugestão é simples: ao vir com os documentos todos corretos você poderá realizar o seu processo em todos os comunes italianos (cerca de 8000). Por outro lado, se vier com erros e/ou variações, terá que perder tempo garimpando qual comune aceita, o que o levará a perder tempo e dinheiro, entendeu?

      Caso queira, eu posso efetuar a análise dos seus documentos e te dizer o que deve ou não ser corrigido, basta entrar na nossa área vip clicando no link a seguir: http://www.minhasaga.org/areavip

      Abraços

      • Tiago Contieri

        Fábio! Bom dia! Essa era a dúvida que eu tinha, mas logo me gerou outra. Eu alterando no caso o meu sobrenome de Contieri para Contiero, poderia ter algum tipo de problema com meu passaporte para ir até lá? Porque já possuo um passaporte com nome de Tiago Contieri. Ou será que isso não influenciaria em nada? No caso, meu antenato (bisavô) possui o sobrenome Contiero, porém o meu avô foi registrado como Contieri, assim como a minha mãe e a mim. Obrigado!

        • Fala Tiago

          Quando efetuamos um processo de retificação, no final dele temos que retirar novos documentos pessoais, portanto no seu caso você deverá ter um novo passaporte, com o nome corrigido. Abraços

  • gaetano orlando

    Grande Fabio, bellissimo Blog!

    Sou italiano, moro na Italia e minha namorada brasileira està tentando conseguir rapidamente essa bendita cidadania pra vir aqui comigo.
    No caso dela, o sobrenome ta correto (CELLI) ; o que muda è o primeiro nome.
    O Bisa nasceu na Italia como Giovanni. Porem no Brasil foi registrado como Alfredo; niguem sabe porque. Ele era unico filho homen da familia.
    Qual è a sua dica no nosso caso?

    Na proxima Terça vou no comune tentando convencer o Oficial de STATO CIVILE.

    • Olá Gaetano isso não é variação, mas sim erro grave e deve ser corrigido. Abraços

  • Kaiara Lupiano Lyra

    Olá Fabio,

    Meu bisavô era na Italia GIUSEPPE SCOTTON e aqui virou José SCOTTÃO, pode ser um erro muito grande? As certidoes dos filhos estão corretas com o SCOTTON certo, apenas a de casamento e óbito dele estão assim.

  • Junior Galetti

    Boa tarde Fabio,

    Olhando os documentos eu ví que na certidão de nascimento do meu antenato está Galetti e na óbito está Galletti(e pelo que ví na suas respostas eu terei de corrigir), mas e no caso da minha bisavó(detalhe minha linhagem é paterna) terei de corrigir também? Pois na de óbito dele consta o sobrenome dela (Espina) diferente da de nascimento do meu avô que está Spiller, outro erro também é que nome do meu avô está Waldomiro na certidão de nascimento e casamento está com “W” e a partir das certidões do meu pai estão com “v”, Terei de corrigir estes outros erros?
    obrigado

  • kelly

    Boa tarde Fabio,
    Fabio o antenado do meu marido se chamava Nicoló Mura e aqui no Brasil ficou Nicolau Antonio de Moura. Ficou muito diferente, não foi erro, pra mim foi mudança de nome mesmo, como eu faço?. É preciso retificar ou nesse caso oque houve foi o “abrasileiramento” do nome?.

  • Iandra Bedin

    Olá Fabio. Tenho os documentos de casamento e nascimento do meu bisavô italiano, e queria dar entrada no pedido de retificação da certidão de óbito brasileira. Fui fazer a tradução juramentada, e a tradutora me disse que esses documentos italianos precisavam ter sido legalizados pelo Consulado Brasileiro na Itália. Isso é verdade?

    • Olá Iandra somente é necessário quando o juiz exige, coisa que acontece em apenas 1% dos casos. Abraços

  • Téo Bernal Balconi

    Caro Fábio,

    Há uma divergência de dois dias quanto à data de casamento do meu pai (um dos requerentes) entre as certidões de casamento e nascimento. Entrei em contato com o Consulado e eles recomendaram retificar, pois o Comune (Albaredo D’Adige) pode recusar a documentação. Também entrei em contato com o cartório, porém me foi dito que somente via judicial. Estou realizando o processo aqui no Brasil.

    Realmente pode ser um problema?

    Atenciosamente.

  • Thiago Schettini

    Fábio,
    Todas as certidões do meu bisavo(nascimento italiana e casamento e óbito brasileiras) constam o mesmo nome dele, Giuseppantonio Schettino. Porém, as certidões do meu avô e pai constam que seu nome é Jose Schettini (sendo meu avô José Schettini Filho). Além disso verifiquei sobrenome da minha bisavó errado nas certidões brasileiras(de Carrara pra Ferreira). Preciso retificar todas as certidões?

    Att,
    Thiago Schettini

  • Jackison

    Fabio, quero te parabenizar por todo seu trabalho, gostaria de te perguntar, meu bisavo era Giovanni Battista ZAMBON, quando casou aqui ficou só Giovanni ZAMBON, apartir di nascimento do meu avô passou a ser João ZAMBON e morreu João, tbm

    nos Obitos do meu avô e pai estao ZAMBOM o sobrenome e o correto é ZAMBON, preciso retificar ?

  • Eduardo Dutra

    Olá, Fabio! Me chamo Eduardo e tenho um caso parecido. Meu antenato italiano se chamava ALBINO MANCIN. Seu filho, quando se casou, ficou com o sobrenome MANCINI. E consequentemente os nomes de seus descendentes saíram MANCINI. Este “I” no final do sobrenome é uma variação que deve ser corrigida?
    Obrigado!

    • Olá Eduardo

      Tudo vai depender do comune onde você pretende dar entrada no seu processo; existem aqueles que aceitam pequenas variações, assim como existem outros que exigem que todos os erros sejam corrigidos.

      A minha sugestão é simples: ao vir com os documentos todos corretos você poderá realizar o seu processo em todos os comunes italianos (cerca de 8000). Por outro lado, se vier com erros e/ou variações, terá que perder tempo garimpando qual comune aceita, o que o levará a perder tempo e dinheiro, entendeu?

      Caso queira, eu posso efetuar a análise dos seus documentos e te dizer o que deve ou não ser corrigido, basta entrar na nossa área vip clicando no link a seguir: http://www.minhasaga.org/areavip

      Abraços e um ótimo dia!

  • Vivian Biavatti

    Boa noite Fabio! Cada dia lendo um pouco de seu blog e assistindo seus videos! Bacana! E vai ficando menos dificil! Seguinte Fabio, segundo o roteiro do consulado de Curitiba, diz que somente as certidoes dos nao falecidos, estao sujeitas e retificacoes. No meu caso, eu preciso prestar atenção nos meus e documentos da minha mae. Restantes, ja falecidos. Mas existe uma variação de 1 T para 2 TT’s no sobrenome do meu antenato para o meu. Acreditas que preciso me preocupar com isso? Obrigada!

  • Gabriela Bassan

    Oi, Fabio, boa noite!
    Suas dicas são maravilhosas. Ainda estou na fase de obter os documentos, mas as coisas estão caminhando!
    Tenho uma dúvida sobre o que retificar, pois nos meus documentos há 3 tipos de erros:

    1) Nome com letra trocada: No documento italiano, o nome da mãe do meu antenato é Gioconda Padoan e na certidão de casamento está Giocunda Paduan. Já na certidão de nascimento do meu avô, o erro está apenas no sobrenome dela: Paduan. Devo corrigir isso?

    2) Na certidão de casamento do meu antenato consta que ele tinha 21 anos, porém, ele se casou em janeiro e fazia aniversário em fevereiro. Desta forma, ele, na verdade tinha 20 anos ainda. Devo corrigir isso?

    3) Em várias certidões (óbito do meu antenato, nascimento, casamento e óbito do meu avô) consta José no lugar de Giuseppe e João no lugar de Giovanni. Pelo que entendi, isso, eu não preciso corrigir, correto? É isso mesmo?

    Muito obrigada!!
    Gabriela.

    • Olá Gabriela tudo bem?

      Tudo vai depender do comune onde você pretende dar entrada no seu processo; existem aqueles que aceitam pequenas variações, assim como existem outros que exigem que todos os erros sejam corrigidos.

      A minha sugestão é simples: ao vir com os documentos todos corretos você poderá realizar o seu processo em todos os comunes italianos (cerca de 8000). Por outro lado, se vier com erros e/ou variações, terá que perder tempo garimpando qual comune aceita, o que o levará a perder tempo e dinheiro, entendeu?

      Caso queira, eu posso efetuar a análise dos seus documentos e te dizer o que deve ou não ser corrigido, basta entrar na nossa área vip clicando no link a seguir: http://www.minhasaga.org/areavip

      Abraços

  • Henrique Miotto

    Olá Fábio,
    Muito obrigado pela ajuda que está nos dando, show de bola, parabéns!!!!
    O que me diz, meu antenato na certidão italiana está Massimo, mas nas certidões brasileiras: Maximo. Isso é uma “abrasileiramento” ?
    Grande abraço, Henrique.

  • Lua

    Olá Fábio, tudo bem?

    Tenho a seguinte dúvida sobre retificação:
    Na certidão de nascimento italiana do meu antenato consta o nome: GIUSEPPE CANDIDO GUIDOBONO filho de PIETRO GUIDOBONO
    porém em todos os outros documentos brasileiros (casamento, óbito, nascimento do filho) o nome “Giuseppe” foi omitido e o do pai foi abrasileirado, constanto sempre CANDIDO GUIDOBONO filho de PEDRO GUIDOBONO. Você acha que esses dois dados DEVEM ser corrigidos? Você acha possível essa correção se dar diretamente no cartório?

    Grata! Assim que souber disso pretendo entrar na área vip e te enviar os documentos para analisares minhas chances da cidadania.
    Laurie Guidobono

  • GabiS

    Olá,

    Primeiramente, parabéns pelo trabalho. Tem ajudado e muito
    neste início do percurso… É muito caroço no angú!

    Estou com dúvidas principalmente quanto retificações de
    documentos civis para fins de pedido de dupla cidadania italiana. Será que
    consegues me auxiliar?

    Levantei os documentos dos meus antepassados, mas estou com
    uma certa dúvida como proceder com as alterações.

    – Como iniciarei com as retificações das certidões de registro
    civil: começo pelas mais antigas até as mais novas ou ao contrário?

    Ex.1: Nome de nascimento do meu avô era Giovanni S****** nascido em
    1897 e de casamento/óbito/nascimento/casamento dos filhos e netos está como João S******
    Sobrinho em 1898. Qual(is) certidão(ões) devem ser alteradas?

    Ex.2: Por vezes o nome da minha bisavó aparece como Angela
    Z****/Angelina Z***** S******/Angela S****** e da minha avó como Iria, depois
    Iria Ana. Peço as alterações sempre pelo nome vigente mais antigo, ou seja,
    pela certidão de nascimento?

    Ex.3: Meu bisavô faleceu depois do casamento do meu avô, mas
    na certidão de casamento do meu avô consta que ele faleceu antes. Precisa ser alterado
    também?

    – Meu direito de cidadania é bisavô/avô/pai – Preciso dos documentos
    da minha bisavó/avó/mãe?

    Obrigada pela atenção.

  • Fabio Zuleger Petelin

    Boa tarde xará!!!
    Gostaria que você falasse sobre os nossos documentos pessoais, como RG, CPF e Título Eleitoral após serem feitas as retificações. Nesse caso teremos que levar cópia da ordem judicial a todos esses órgãos e fazer nossos documentos novamente para fotocopiá-los e apresentar na Itália? Digo isso porque, no meu caso, após a retificação ficaria Fabio Pitilino e em meus documentos estaria Fabio Petelin. Dessa forma o Oficial poderia recusar meu pedido pela divergência no sobrenome?

    Grande abraço!!!

  • Gabriela Vendito

    Olá Fábio,

    Estou com os documentos do meu bisnono (por enquanto apenas cópias) mas já verifiquei que cada uma das certidões se encontra com um nome diferente:

    NASCIMENTO: FERDINANDO VENDITTO
    CASAMENTO: FERDINANDO VENDITTI
    OBITO: FERNANDO VENDITO

    Precisarei pedir a retificação correto?
    Quanto ao nome do meu avô (já falecido), meu pai e meu, todos estão como VENDITO, precisaremos todos fazer alterações dos documentos para o nome conforme nascimento do meu bisnono (VENDITTO)?

    Parabéns pelo site e pelo canal no Youtube, ambos estão me ajudando muito !
    Bjs
    Gabi

  • Olá Gabriel se ele nasceu quando já existia o registro civil no Brasil, o registro religioso não poderá ser utilizado, portanto você deverá apresentar aquele civil e com isso deve corrigi-lo. Abraços

  • Chrystina

    Pelo que li por aqui, mais difícil do que conseguir a certidão do meu
    antenato na Itália, será realizar as correções necessárias. Mas, um
    passo de cada vez e obrigada por informações tão
    detalhadas. O processo é extenso, mas seguindo passo a passo suas
    orientações, vai parecendo viável.

    • Ciao Chrystina isso aí, um passo de cada vez, que no final tudo dará certo 🙂

  • Olá Samuel

    É impossível dar qualquer tipo de orientação sem analisar os documentos, isso só te prejudicaria ao invés de realmente te ajudar. Caso queira que eu faça a análise e te oriente com 100% de certeza sobre o que deve ou não ser corrigido, considere entrar na área vip: http://www.minhasaga.org/areavip Abraços

  • Olá Paulo tudo bem?

    Opa, eu que agradeço pelas palavras!

    Sobre a correção, vai depender do oficial do comune onde vocês pretendem dar entrada no processo, eu recomendo que entrem em contato com ele e pergunte se ele é flexível ou não em relação a estes erros. Se por acaso vocês ainda não sabem onde vai dar entrada, na dúvida, corrijam tudo. Abraços

    • Paulo Marques

      Fábio, ao juntar os documentos, pude perceber que no óbito do antenato, diz que morreu com 59 anos, o que levaria o nascimento pra data de 1873, já no nascimento (que recebi da Itália), diz que nasceu em 1883, achei que precisaria corrigir a idade de morte, porém pensando melhor, e calculando a idade que o antenato tinha no nascimento do seu primeiro filho, caso tenha mesmo nascido em 1883, teve o primeiro filho com 13 anos.

      Isso me gerou a dúvida de se o documento italiano pode conter erro, achei que poderia ser o documento de outro pessoa de mesmo nome, mas o dia, mês de nascimento bem como nome do pai e mãe batem perfeitamente.

      Como devo proceder neste caso? Existe como saber se o Doc italiano esta correto? ou é mais fácil corrigir a idade de morte e ignorar o fato de ter tido filho tao novo.

      Aliás, tu não faz ideia de quanto estamos economizando e aprendendo sobre processo de cidadania através dos teus canais do youtube, facebook e blog. Valeu pelo teu trabalho e paciência em responder a todos.

      Abraço.

      Att,
      Paulo Marques

  • Olá João, qualquer alteração no sobrenome deve ser corrigido, independente se a pessoa é viva ou não. Abraços

  • Olá Fred

    Somente o oficial do comune onde você pretende dar entrada no seu processo pode te responder com 100% de certeza se esta variação deve ou não ser corrigida. Abraços

    • Fred Prezotto

      Obrigado.

  • Olá Renato, depende se isso coloca em dúvida as informações: se o nome, sobrenome, data e nome dos pais conferem, dificilmente um oficial vai querer que seja corrigido o local de nascimento. Se fosse uma cidade aqui na Italia, por exemplo nasceu em “Bologna” mas no casamento consta “Napoli” com certeza seria um problema, entendeu? Abraços

  • Olá Hiago

    Isso é considerado abrasileiramento do nome e a menos que o oficial do comune onde você pretende dar entrada exija, não é necessário retificar. Abraços

  • Olá Caique é impossível responder dúvidas relacionadas a documentos sem analisá-los, caso queira envia-los para análise acesse http://www.minhasaga.org/areavip Abraços

  • Olá Hiago, “abrasileiramento” é quando o nome foi traduzido, por exemplo Pietro/Pedro, Giuseppe/José, Giovani/João e assim por diante. Abraços

  • Olá João

    Tudo vai depender do comune onde você pretende dar entrada no seu processo; existem aqueles que aceitam pequenas variações, assim como existem outros que exigem que todos os erros sejam corrigidos.

    A minha sugestão é simples: ao vir com os documentos todos corretos você poderá realizar o seu processo em todos os comunes italianos (cerca de 8000). Por outro lado, se vier com erros e/ou variações, terá que perder tempo garimpando qual comune aceita, o que o levará a perder tempo e dinheiro, entendeu?

  • Raphael Terre

    Fábio boa tarde;

    Eu consigo fazer as retificações necessárias através da certidão de casamento do antenato? Eu pedi a de batismo, mas o padre só tirou xerox e ficou de enviar novamente no formato correto. Se puder eu gostaria de já adiantar o processo de retificação.

    Outra coisa: a certidão de casamento precisa constar o nome dos pais ou somente a batismo / nascimento?

    Obrigado

  • Déborah Donadelli

    Olá Fabio!
    Obrigada pelas dicas!!
    Em seu blog você recomenda que comecemos as buscas pelas nossas certidões, no meu caso eu já tenho todos os documentos, alguns no formato simples e alguns em inteiro teor. Já pude verificar alguns erros, o primeiro deles seria no nome do meu bisavô (meu antenato), na certidão de nascimento aparece “E’ Nato: Donadel * Emilio ; altri nomi: Geremia” , quando na chegada ao Brasil consta a partir do registro de estrangeiros como “Emilio Donadelli”, nome e sobrenome que seguem em todos os documentos. Minha primeira dúvida seria com relação ao sobrenome, essa mudança seria possível como alteração extrajudicial ? ou teria que entrar com um processo judicial?

    Grata,
    Déborah Donadelli

  • Henrique Salvador

    Recebi hoje a certidão do meu Antenato da comune na Itália, preciso retificar o nome dele no cartório aqui do Brasil, eu já fiz o pedido de tradução juramentada. É preciso legalizar os documento para pedir a retificação dos nomes no cartório?

    • Olá Henrique

      A retificação dos documentos não tem nada a ver com o consulado, baixe e leia o manual Sagabook Brasil para entender melhor como tudo funciona, ok? Abraços

      • Henrique Salvador

        Eu li tudo pode ter certeza! O Cartório de Dois Córregos onde preciso retificar o nome, não aceitou como documento a certidão italiana, me pediram pra legalizar ela, e para isso, só na Itália no consulado de Milão que tem jurisdição sobre Vicenza de onde a certidão foi enviada.

        • Henrique, então não se trata da “legalização do documento no consulado italiano”, mas sim no consulado brasileiro. Veja se na sua primeira pergunta, você fala do consulado italiano, por isso a confusão. Abraços

          • Henrique Salvador

            Meu erro verdade. Teria que legalizar no consulado Brasileiro de Milão, que cuida de Vicenza. Agora to vendo como fazer isso…:(

  • graciele

    Oi Fabio, tudo bem?
    Ótimo post como sempre, mas tenho uma duvida. Se as variações não são na linha de ascendência italiana, se por exemplo, forem no nome do cônjuge, também necessita de correção?

    • Fabio Barbiero

      Olá Graciele tudo bem?

      Normalmente não, porém dependerá do tamanho do erro. Se o nome muda completamente, coloca em dúvida a linha de transmissão e neste caso será necessário corrigir. Abraços

      • graciele

        São dois erros, um é na mãe do meu bisavô (antenato que gera minha cidadania) , nome dela é Caterina e no Brasil aparece Catharina.
        O outro caso é o conjuge da minha avó (filha do antenato), o nome é Enrique e aparece Henrique algumas vezes.

  • paulo ciurlini

    Oi Fabio,
    Primeiramente quero parabeniza-lo pelo seu Blog esta ajudando muito.
    Mais ainda tenho uma duvida que esta me preocupando.
    Eu e minha esposa temos ascendentes italianos.
    O meu avo foi registrado na italia como Giuseppe Ciurlino e em suas certidoes ele foi registrado como Jose Ciurlini, como tenho outros dados que necessitam de alterações (Local de nascimento, apesar de contar como Italia mais a cidade errada e data de nascimento) ja peço para alterar os sobrenomes de todos envolvidos?
    Ja o da minha esposa, que a familia ja tem o reconhecimento de parentes, teve seu bisavo registrado como Giovanni Rosolen e nos registros de seu pai e o dela o sobrenome esta registrado como Rosolem (com “m”) precisamos promover a alteração?
    As perguntas que faço e que apesar de ter feito a inscrição para o processo junto a embaixada italiana de Brasilia estamos considerando ir requer ai na Italia mesmo.
    Grato
    Paulo

    • Fabio Barbiero

      Olá Paulo tudo bem?

      Na dúvida corrija tudo sim, assim não terá nenhum comune que poderá refutar os documentos por conterem erros ou variações, ok? Abraços

  • Juliana

    Ola Fabio,
    No meu caso o nome do meu bisavô foi alterado, na Itália Luigi no Brasil Luiz. O sobrenome está o mesmo correto em todas. Preciso fazer a retificação? Ou eles entendem como uma variação possível?
    Obrigada!
    Abs

    • Fabio Barbiero

      Olá Juliana neste caso não precisa, pois a variação Luigi / Luiz não é considerado erro, apenas “abrasileiramento” e isso não necessita de correção. Basta que esta variação Luiz conste na CNN, ok? Abraços

  • Lara

    Olá!

    Vou iniciar as correções das certidões [e são muitas], porém minha dúvida é bem específica. Além dos erros óbvios [letras e erros de grafia] temos uma questão bem peculiar, o italiano nato ao chegar no Brasil MUDOU o sobrenome completamente. Vamos solicitar uma averbação desta mudança para ligar a certidão de nascimento e a de casamento. Minha dúvida é, todos os descentes que ainda carregam o sobrenome terão seus sobrenomes modificados para o sobrenome original e correto? Isso me parece meio estranho. Já viu algum caso assim?

    • Fabio Barbiero

      Olá Lara

      Sim, se o sobrenome está incorreto, todos aqueles que quiserem obter o reconhecimento deverão corrigi-lo. Eu vejo casos assim todos os dias, e é mais frequente do que parece. Abraços

  • Juliana P Fontes

    Quero iniciar o processo de solicitacao da cidadania italiana, porem estamos com problemas com o sobrenome. Meu bisavo que venho da Italia tem o sobrenome Piccierello, porem o meu avo foi registrado como Pichirilli que passou para a minha mae e depois para mim. Provavelmente teremos que fazer a retificacao do sobrenome. Isso significa que meu avo ( ainda vivo), minha mae e eu teremos que mudar o nosso sobrenome de “Pichirilli”para” Piccierello” para ficar igual ao do meu bisavo? Essa solicitacao tem que ser feita no cartorio em que cada um de nos foi registrado ao nascer?

    Obrigada! parabens pelo blog!
    Juliana

    • Fabio Barbiero

      Olá Juliana tudo bem?

      Sim, depois que a correção do assento for feita, será necessário solicitar novos documentos de identificação, pois eles serão corrigidos também, ok? Abraços

  • Daniela

    Boa tarde, Fabio!
    No caso das certidões de batismo, emitidas pela Mitra Diocesana, como proceder?
    Meu trisavô em certidão de casamento e óbito, no cartório, consta Ferdinando Pozzobon, mas na certidão de batismo, Fernando Possobon.

    Att.,
    Daniela

    • Fabio Barbiero

      Olá Daniela

      Entre em contato com eles e pergunte como retificar o assento religioso. Abraços

  • Frederico Bortolini

    Ciao Fabio,

    Agora estou um pouco confuso, no site do consulado italiano em BH eles diziam que deveríamos realizar a retificação dos nomes com erros, por isso que iniciei a retificação do sobrenome do meu Bisavô de Bertholine para o correto que é Bortolini, porém agora está escrito no site que não se deve retificar, e deram um exemplo de variação de uma letra, (Barbieri e Barbiere) mas ainda sim o tópico de retificação deixa brecha para interpretações devo ou não retificar?

    Obrigado.

  • Silvia

    Fábio, muito obrigada por disponibilizar informações tão esclarecedoras!
    Vejo aqui muitos perguntação sobre retificação de nome. O que me diz quanto a retificação de datas? Tenho a certidão de nascimento italiana do antenato, mas todos os documentos que ele emitiu no Brasil tem ano de nascimento muito diferente. Desconfio até que não fossem a mesma pessoa, que ele tivesse um irmão mais velho com mesmo nome e que tenha falecido, mas nada comprovado. O fato é que não encontrei certidão de nascimento brasileira do antenato em lugar algum (tentei igrejas também), mas tenho uma italiana com ano diferente. Acha que o caso tem solução? Agradeço desde já sua atenção.

    • Fabio Barbiero

      Olá Silvia tudo bem?

      São ainda mais graves do que as variações de nome e devem sempre ser corrigidos. Abraços

  • Estela

    Olá Fábio! Não li todas as dúvidas e respostas, mas por favor, me ajude em duas: estou auxiliando meu namorado na obtenção da cidadania italiana dele. Conseguimos a certidão de casamento do nonno dele mas houve uma retificação em 1946 quanto ao nome da mãe do nonno. Eu realmente não sei oq ue houve, com certeza foi erro de comunicação entre todos os envolvidos (principalmente do cartório), mas retificaram o nome da mãe do nonno com o mesmo nome e sobrenome da sogra do mesmo! Então, na certidão de casamento dele, em filiação consta o mesmo nome para mãe e sogra! Bizarro. Você acha que isso poderá ser empecilho para a a obtenção da cidadania?
    Segunda pergunta… a certidão de nascimento do avô do meu namorado consta apenas o primeiro nome dele, Oswaldo. Nos falaram lá no cartório que em 1926 era normal apenas o registro do primeiro nome. Isso também será um empecilho ou é melhor batalharmos para que a certidão de nascimento venha com nome e sobrenome em destaque ? Muito obrigada!

    • Fabio Barbiero

      Olá Estela tudo bem?

      É impossível dar orientações sobre erros e/ou variações de documentos sem analisá-los, portanto não tenho apenas como “opinar”, pois isso não ajudaria vocês de forma alguma.

      Abraços

  • Eduardo Franceschini

    Fábio!
    Recebi a Certidão do meu antenato e a ordem e grafia está: FRANCESCHINA Davide-Vittorio.
    Como é a ordem correta para nós? Vittorio Davide FRANCESCHINA, ou Davide Vittorio Franceschina?
    Pergunto, pois na Habilitação para Casamento (Brasil) ela se declarou como Vittorio Franceschina…e as demais certidões veio com base nisso.

    E se de fato o Davide for o primeiro nome, minha nossa, vou ter que retificar uma pancada de coisas.

    Obrigado.

  • Elisa

    Ola, Fabio. Tudo bem?
    Estava lendo esse post a respeito de tentar corrigir as certidões no próprio cartória, e fiquei com uma dúvida, a maioria das certidões que eu preciso são do mesmo cartório, então eu podia ir lá e perguntar sobre isso, mas a minha é do cartório de outra cidade, ai devo ir nesse cartório e fazer a mesma pergunta?
    Muito Obrigada!

    • Fabio Barbiero

      Olá Elisa tudo bem?

      Ligue para o cartório, não necessariamente você precisa ir pessoalmente, ok?

      Abraços

  • Bruno

    Olá Fábio,

    Seu texto é bem claro e objetivo, e está ajudando muita gente. Parabéns pelo post!

    Agora a dúvida..rsrs…

    Tenho 26 anos. Quando nasci meu tio fez o processo da cidadania, que eu sei que deu certo porque recebo nas épocas de eleições os formulários para votação(enviados do Comune di Roma – Moro no Brasil).
    O problema é que meu avô materno era italiano, mas as correspondências vêm com o sobrenome do meio do meu avô paterno(que é português e nem aparece no meu nome”eu só tenho o último nome desse avô”). Só para ficar claro:

    Meu nome é: Bruno + N.Italiano de N.Português2
    As correspondências vem: Bruno + N.Português1 de N.Portugês2

    Espero que tenha ficado claro.

    Minha dúvida é, esse erro é pode ser considerado como evidente?

    Agradeço desde já.

    • Fabio Barbiero

      Olá Bruno

      Se você é italiano e houve algum tipo de mudança em seu nome, vá ao consulado italiano, no setor di stato civile e converse com eles para ver o que pode ser feito, ok?

      Abraços

  • Rodrigo Foragi

    Fábio,
    O sobrenome do meu bisavô era Forace. Do meu avô em diante o sobrenome passou a ser Foragi.
    Há necessidade de alterar o sobrenome de todos até chegar em mim?
    É possível alterar o sobrenome de um descendente que já faleceu, no meu caso, meu avô é falecido.
    Obrigado.

    • Fabio Barbiero

      Tudo vai depender do comune onde você pretende dar entrada no seu processo; existem aqueles que aceitam pequenas variações, assim como existem outros que exigem que todos os erros sejam corrigidos.

      A minha sugestão é simples: ao vir com os documentos todos corretos você poderá realizar o seu processo em todos os comunes italianos (cerca de 8000). Por outro lado, se vier com erros e/ou variações, terá que perder tempo garimpando qual comune aceita, o que o levará a perder tempo e dinheiro, entendeu?

      Abraços

  • Danne

    Oi Fábio! Só passei para dizer que sempre acompanho seu blog!
    seus posts são ótimos!!!
    Baci!!!
    Danne

    • Fabio Barbiero

      Ciao Danne grazie mille!

  • Agda

    Oi Fábio, estou devorando seu blog, índico p um monte de gente, parabéns. Fiz o pedido da nascita como vc ensina e deu certinho.Mesmo assim tenho algumas dúvidas:
    -Estou com as certidões, e uma veio com a palavra “estado” escrito etasdo, tem problema?( Esse e o menor erro);
    -A idade que o antenato declarou, no casamento não bate com a do nascimento, com isso a de óbito TB não, tem que ser retificada? Não consta a data de nascimento dele só a idade
    -E o sobrenome dos país da esposa dele tem erros, precisa retificar?
    -Por último, ele veio casado da Itália, ficou viúvo, isso consta na certidão do 2 casamento dele, eu preciso juntar no processo a certidão do 1 casamento e óbito da 1 esposa?
    Meu marido vai fazer o processo na Itália.
    Att Agda Zuliani

  • Diego

    Oi Fabio, tudo bem?

    Bom, entendo que quando o antenato vem da Itália como Giuseppe e vira José, deu zebra. Precisa retificar, e consequentemente os demais descendentes vão ficando errado. É preciso corrigir tudo.

    No meu caso, sei que isso vai acontecer, mas estou pedindo as certidões em inteiro teor, de qualquer forma (pagando) e depois vou atrás da correção (e pagar novamente). É este mesmo o caminho? Digo, poderia solicitar 1x apenas já com a correção?

    E por exemplo, o cognome é Bolognini e em um momento está Bolonini. (somente isso de erro) Vale a pena mandar um e-mail para o comune/oficial, perguntando se tudo OK (mesmo com a falha ali) e se ele der OK por e-mail, ir adiante? Digo, este OK por e-mail, seria válido? Levar impresso, por exemplo?

    Obrigado,

    Diego

    • Fabio Barbiero

      Olá Diego

      o seu pensamento não é correto, pois situações como esta, onde Giuseppe virou José, Giovanni virou João, Pietro virou Pedro não são considerados erros, mas sim abrasileiramento e neste tipo de situação não é necessário corrigir.

      Já em relação aos sobrenomes, a coisa muda de figura, e a necessidade de retificação só deverá ser feita após consultar o oficial do comune onde você pretende realizar a sua prática.

      Abraços

      • Diego

        Oi Fabio,

        Dessa não sabia não!!!! Muito bom saber isso.

        Obrigado!!

        Diego

        • Fabio Barbiero

          😉

      • Adriano

        Mas Fabio, e no caso que o reconhecimento sera feito no consulado em SP, os oficiais de la relevariam esses “erros” de sobrenome ou nao tem jeito, tem que corrigir ???

        • Fabio Barbiero

          Ciao Adriano

          Para realizar o processo no consulado, basta seguir as instruções que eles publicam na página, por exemplo lá eles dizem que, em caso de erros nos documentos, só é necessário corrigir de quem ainda é vivo, entendeu?

          Grande abraço!

  • Guilherme Simioli

    Boa tarde, Fábio!
    O sobrenome do meu trisavô nascido na Itália é LUI. Uma prima minha que já tem sua cidadania corrigiu, na época, quase tudo. Até o meu bisavô, está tudo corrigido. Somente EU quero o reconhecimento. Isso significa que não precisarei retificar os registros do meu avô, nem os de minha mãe, somente o meu?
    Obrigado por tudo. você nos ajuda bastante.

    • Guilherme Simioli

      Reconsiderando: o meu é LUIS. do meu bisavô até o meu trisavô já foi corrigido para LUI

    • Fabio Barbiero

      Olá Guilherme tudo bem?

      Via de regra (ou seja, nem sempre acontece!) quando você parte dos documentos já retificados, deve necessariamente retificar todas as outras. Ná dúvida, corrija, sempre!

  • Vitor Lemes

    Oi Fabio, nesse caso em qual cartório eu peço a retificação, pode ser em qualquer um? Explico:
    Moro em Curitiba – PR e minha avó nasceu em Astolfo Dutra – MG. O pai dela, na Itália, se chama Giuseppe e no Brasil José Teodoro (de onde veio esse Teodoro eu não sei).
    Neste caso como eu retificaria o nome do sujeito? No cartório em Curitiba mesmo, em Astolfo Dutra, pediria para a Dilma ou para o Obama? Pois esse “José” ele deve ter ganho assim que desceu do navio no Rio de Janeiro, ou seja, que confusão!

    Abraços.
    Vitor

  • Paulo Cesar Bernardo

    Parabéns pelo site, muito bom, excelente!!!

    Tenho uma dúvida, preciso retificar somente o meu sobrenome ou do meu pai também? Pois o sobrenome do meu avô é “Bernardi” e o do meu pai e meu é “Bernardo”.

    Um abraço!
    Paulo Bernardo

    • Fabio Barbiero

      Olá Paulo

      Somente o oficial do comune / consulado onde você pretende dar entrada pode responder o que deve ou não ser corrigido, ok?

      Abraços

      • Paulo Cesar Bernardo

        Fábio, obrigado pela resposta!

  • Viviam negri

    Oi fabio, tudo bem?
    Eu estou tirando a cidadania pelo meu tataravô que se chamava Alfeo Negro.
    Só que ele casou duas vezes como Adolpho Negri e isso mudou todo o nome da família.
    Tenho como retificar essa divergência, mas em seu primeiro casamento o nome de sua esposa está bem diferente, e eu não tenho documentos dela para realizar as alterações.
    Já me tranquilizaram dizendo que como estou pegando a cidadania pelo nome do meu tataravô esse erro não será relevante para o processo.
    Mas exite a possibilidade de eu ter problemas?
    Obrigada!

    • Fabio Barbiero

      Olá Viviam tudo bem?

      Sim, você deverá corrigir este erro. Em relação a “te tranquilizaram”, a única pessoa que pode fazer isso é o oficial di stato civile do comune onde você pretende dar entrada no seu processo, pois ele é a única pessoa que pode decidir se um documento deve ou não ser corrigido, qualquer pessoa que disser o que quer que seja, está apenas achando, ou dando pitaco, e isso pode te prejudicar mais, do que ajudar, portanto tome muito cuidado com as opiniões alheias, ok? Abraços

      • Viviam negri

        Ok Fabio! Muito obrigada.

  • Mas a minha entrevista é já em Dezembro, estou tentando fazer a retificação pela via administrativa e acho que até Dezembro não da tempo o que eu posso fazer?

  • Olá Fabio,
    Parte da minha família já tem a cidadania italiana há 20 anos. Eu fui convocada pelo consulado em Sp para dezembro, e ao tirar a certidão do meu bisavô de casamento apareceu que ele foi naturalizado brasileiro, mas todos da minha família dizem que ele nunca foi naturalizado e foi emitida uma CNN com as variações do nome dele. Preciso retificar essa informação mesmo com a CNN existente?
    obrigada

    • Fabio Barbiero

      Olá Natalia

      Com certeza você deverá corrigir, pois não pode apresentar documentos contendo informações conflitantes.

  • liegerampes

    Eu vi no site polentona que
    fala que se eu viajar por 15 dias até a italia consigo a cidadania por
    procuração. Isso é correto? Existe uma assessoria nesse sentido?

  • Rosana

    Olá, boa noite. Preciso de algumas orientações. Minha sogra precisa fazer umas retificações no nome dela. Ela se chama Cleusa, com “s”, e em alguns documentos seu nome está escrito com “z” como em sua certidão de casamento, RG e na certidão de óbito de seu marido. Segundo o cartório a correção destes documentos somente poderá ser feita via judicial. Há alguma possibilidade de ser realizado pelo cartorio, sem maiores gastos? Obrigada.

    • Olá Rosana tudo bem?

      O processo vai ser realizado no Brasil ou aqui na Italia? Pois normalmente este tipo de variação sequer necessita de correção

  • Andressa Bianca Giopatto

    Olá Fábio…

    Acabei de juntas todas as certidões e acho que vou precisar retificar…
    No caso o nome da minha avó que é italiana e sera meu antenato no processo é Gerardina Marino. Na certidão de casamento dela está correto, apenas acrescentou o nome de meu avô. Já na certidão de nascimento do meu pai está como Geraldina Marino Giopatto, enquanto na certidão dele de casamento e na minha de nascimento está Geraldina Marina Giopatto. Entrei em contato com o tradutor e ele disse que não há necessidade de retificar, mas preferi verificar com você já que como o sobrenome Marino escreveram Marina, gostaria de saber se você acha que há necessidade de alterar, também o nome dela que é Gerardina e escreveram Geraldina… Se eu precisar retificar atrasarei meu processo uns dois meses, atrapalhando todo meu plano :/ O que você acha? Se você puder me ajudar ficaria muito feliz!

    obrigada

    • Olá Andressa tudo bem?

      Nem o tradutor, nem eu, nem qualquer outra pessoa que não seja o OFICIAL DO COMUNE onde você pretende dar entrada no seu processo pode te dizer se um erro ou variação poderá ser aceito ou não. A única certeza é que se os documentos estiverem 100% corrigidos, serão aceitos.

      Porém em caso de erros e variações você não deve ouvir ninguém que não seja o oficial, pois ouvirá apenas “pitacos”, “sugestões” e “opiniões” que nada contribuirão para o seu processo, ok? Abraços

  • Samara Lança

    Fabio, meu antenato se chamava Antonio Giuseppe Lanza, aqui no Brasil, na certidão de casamento seu nome esta Antonio Lança e na certidão de óbito Jose Lança. O curioso e que já existe uma retificação na certidão de casamento e de óbito que foi feita através de um mandado judicial de 2005. O problema e que este é meu trisavô, e na certidão de nascimento do meu bisavô esta Jose Lança. Será necessário outro processo para retificar o nome na certidão de nascimento também? Outra coisa desde de meu bisavo todos temos sobrenome Lança e não Lanza, so precisa retificar ou é necessário alterar os nomes em todos documentos?

  • Marta Stefanuto

    Fabio td bem!
    hoje fiquei frustada , enviei os documentos ao cartório com requerimento das retificações, fui instruída pelo cartório para fazer a tradução Juramentada do certidão estrangeiro e registrá-lo no cartório de Títulos e registros , solicitaram original do documento Italiano e da tradução, após a entrada no registro caiu em exigência o reconhecimento da firma do oficial Italiano , procurei esse serviço no site do consulado Italiano em SP mas não localizei , sabe me dizer como funciona.

  • Arthur Ferrari

    Olá,

    Eu pesquisei bastante no site antes de perguntar e não encontrei nenhuma resposta clara:

    -> Como funciona a retificação de documento na igreja no Brasil? (meu antepassado nasceu no Brasil logo após a chegada em 1880 quando ainda não haviam cartórios na região, e no registro da igreja os nomes dos pais estão incorretos, como retificar?)

    -> Os documentos de igreja no Brasil para serem considerados válidos devem seguir o mesmo padrão dos documentos de igreja na Italia (com aprovação da Curia Diocesana) ou seguem outro modelo?

    Prabéns pelo blog, atenciosamente.

    Arthur

  • Bancária Indelicada

    Estou ficando doida com meu caso…na Itália era Antônio Riccardo e no Brasil virou Antonio Francisco O que fazer?

  • Liliani Breviglieri

    Boa noite ,Fabio,
    Parabéns pelo seu trabalho.
    Estou com todas as certidões necessárias para a legalização junto ao Consulado Italiano no Brasil, porém fiquei com uma dúvida. Na certidão de inteiro teor de casamento e de óbito de meu bisavô consta uma averbação de retificação de nome , local e data de nascimento, decretada por sentença judicial. Preciso anexar aos documentos a certidão de objeto e pé da ação judicial ou a certidão em inteiro teor já averbada é suficiente? Obrigada.

  • Carla Zucchi

    Olá, Fábio! Tenho umas dúvidas:

    – Na linhagem do meu antenato (avô materno) só há um erro (o nome da mãe dele no atestado de óbito). Como a mãe do antenato veio antes dele, preciso corrigir o óbito?

    – Em várias certidões que tenho, vi erros de acento no nome do meu pai e da minha avó paterna, mas eles NÃO são da linhagem do meu antenato, enquanto os nomes do meu avô italiano, mãe, meu e do meu irmão estão corretos em todos. Preciso corrigir os nomes de pessoas fora a linhagem do antenato?

    • Olá Carla tudo bem?

      Eu jamais darei informações sobre a correção de erros e/ou variações sem analisar os documentos, caso queira que eu faça isso basta entrar na nossa área vip: http://www.minhasaga.org/areavip

      Qualquer coisa que alguém falar sem ver os documentos não passa de pitaco ou achismo e isso não te ajuda a tomar decisões, pelo contrário, só atrapalha, ok?

      Abraços

      • Carla Zucchi

        Tem toda razão, Fabio…
        mas muito obrigada pela sua resposta!
        e é sempre melhor corrigir independente de qualquer coisa…
        Abraços e parabéns pelo blog e o sagabook!

  • wellington

    olá Fabio, gostaria de uma ajuda depois de anos quero consertar o meu nome na certidão de nascimento , pois o meu nome é Wellington mais registraram Welligton com erro de grafia esqueceram o N ,será q consigo conserta ló ? eu tenho q ir a qualquer cartório q tenho firma declarada ou no q fui registrado ? por favor me ajude

    .

  • Sandro Tésio

    Boa noite Fábio, o nome do meu Avô Italiano era Abele mas na certidão do meu pais está como Abel.Terei que retificar a certidão do meu pai já que vou fazer o processo na Itália? Obrigado.

    • Olá Sandro tudo bem?

      Somente o oficial do comune onde você pretende realizar a sua prática pode responder esta dúvida. Abraços

  • Samanta Carpinelli

    Boa noite Fábio,
    Por favor,
    Meu antenato é Domenico Antonio Carpinelli e a Conjugue Maria Giuseppa Carolina Paolillo. O nome dela se encontra de diferente formas em todas as certidoes (Maria Giuseppe Paulina ou Carolina Paulilo) nesse caso é preciso retificar? Tentei retificar por via administrativa, mas só tenho a certidão de casamento dela e os locais pedem que eu forneça a de nascimento. Nesse caso é necessário retificação judicial? Me ajudaaa! *Aflita

  • Caroline Bentes poleis

    Ola Fabio

    Estou na europa e preciso corrigir meu nome porem meu pai (que no caso me passerai direito a cidadania) ainda nao corrigiu o dele e nao tenho contato posso fazer alguma coisa ? Obg por responder

  • Rebecca Beolchi

    Olá Fábio
    Meu avô filho de italiano nasceu no Brasil com nome de Ivo Gino Beolchi nascido em Araraquara-sp e Nas certidões de casamento e de óbito Ivo Higyno Beolchi natural de Américo Brasiliense-sp. Minha pergunta é preciso retificar a certidão de nascimento ou as casamento e óbito ?
    Muito obrigada

    • Olá Rebecca somente o oficial do comune onde você pretende dar entrada no seu pedido pode responder esta dúvida. Abraços

  • weslley bruno armstrong bianco

    Olá, Fábio!

    Meu nome é Weslley, estou começando o processo de naturalização.
    Há algum tempo, um primo de segundo grau fez o processo (o que facilitou
    algumas coisas) e, com isso, consegui localizar a grande maioria dos documentos
    com certa facilidade. Quem me passa a ascendência é meu tataravô. O nome do meu
    antenato é Ponfílio Bianco, bisavô: Acirvo Bianco. Esse tevê meu avô, que teve
    meu pai. Sendo uma linha inteira de homens, e com os nomes corretos, não me
    preocupava. Contudo, na certidão de casamento do meu bisavô, há um erro no nome
    da minha bisavó (mãe do meu avô). No caso, o nome dela está Nanita. Já na
    certidão de nascimento e casamento do meu avô, e nascimento do meu pai, consta
    o nome Mauita (grafia correta). Lembrando que ela não me passa ascendência,
    preciso retificar? Estou com medo de haver problemas e acharem que meu avô seria
    filho de outro casamento (do qual eu não teria certidão). E, como a Itália parece
    não aceitar filhos fora do casamento, penso que pode complicar. E farei meu
    processo na Itália, não ficaria ainda mais difícil com esse erro?

    Fico grato pelo espaço desde já!

  • lu d

    Ola Fabio,
    Na certidao brasileira de casamento do meu trisavô, Pedro Susigan, diz que ele se casou em 1907 aos 25 anos (pelos calculos nasceu +- 1882), natural de Oderzo. Porém, a certidão nunca foi encontrada (inclusive te contratei para fazer a busca sem sucesso). Mas foi encontrada a certidao de nascimento de um tal de Antonio Susigan, nascido em 1882 em Gorgo al Monticano. Minha advogada então, supondo ser a mesma pessoa, conseguiu na justiça alterar a certidao de casamento e obito do meu trisavo Pedro Susigan nascido em 1882 em Oderzo, transformando-o em Antonio Susigan nascido em 1882 em Gorgo al Monticano. Estou com toda documentação legalizada pelo MRE e traduzida, aguardando apenas conseguir agendamento no consulado para legalização. Quando finalizado, pretendo ir a Italia reconhecer. Será que terei problemas na Itália? Vc já viu algum caso parecido que teve sucesso? Afinal, não se trata de retificação, mas sim, completa alteração de nome. Obrigada! Ludmila

  • Karin Marangon

    Olá Fabio,

    Estou juntando a documentação da minha família para solicitar o reconhecimento da minha cidadania italiana, e lendo a pagina de perguntas e respostas do consulado, vejo o seguinte item:

    “17. Nas certidões brasileiras existem erros de dados e/ou diferenças de grafia de nome e sobrenome. O que devo fazer?

    Caso essas certidões sejam dos ascendentes falecidos ou dos que não tenham interesse no reconhecimento da cidadania italiana, não se deve solicitar a retificação desses registros junto à Justiça brasileira (ex. ascendente italiano nascido Giovanni Battista Bianco e no óbito consta João Batista Bianco).

    Entretanto, se as certidões de registro civil forem dos requerentes, em caso de divergência no nome (ex. no nascimento Evelina e no casamento Eveline), no sobrenome (no nascimento Rossi e no casamento Rozzi), ou ainda nas datas ou locais de nascimento, os registros deverão ser uniformizados com os dados corretos e deverá ser apresentada certidão em inteiro teor – onde constem claramente todas as retificações feitas na certidão. Se as alterações constantes na documentação suscitarem dúvidas quanto à identidade da pessoa, o Consulado poderá solicitar documentação complementar.”

    Em todas as certidões do meu avô (nascimento, casamento e óbito), o nome do meu bisavô foi escrito de maneira diferente. Seu nome no registro italiano é Bonfiglio Beniamino Marangon. Nas certidões do meu avô estão Bonfilio Marangone, Bonfilho Marangon, Bonfilio Marangon.

    De acordo com as instruções do consulado, eu teria somente que retificar os nomes se houvesse divergências nas minhas certidões e não nas dos ascendentes. Essas informações divergem de tudo o que tenho visto, como é que realmente funciona?

    Obrigada pela ajuda!

    • Olá Karin se você pretende dar entrada no seu processo diretamente no consulado italiano no Brasil basta sim seguir as regras que constam no site. Por outro lado se você pretende vir a Italia, as instruções consulares são inúteis, pois quem decidirá se um documento deve ou não ser corrigido é o oficial do comune onde você vai dar entrada. Abs

      • Karin Marangon

        Muito obrigada pelos esclarecimentos!
        Abs

  • Pamela Santos

    Olá, e os casos que o sobrenome da mãe não foi registrado? Por exemplo a minha avó só tem o sobrenome do pai dela e com isso prejudicou a minha mãe e a mim também que não tenho o sobrenome da família que eu gostaria de ter. O meu pai também não tem o sobrenome da mãe dele, só tem o sobrenome do pai.

  • Thalita

    Uma polenta não pode faltar aqui em casa também! È muito bom! Então, eu sou do Espírito Santo e Meu trisavô, Giovanni Battista Tonon, veio para o Brasil em 1879 com sua esposa Celeste Brani, com sua mãe Maria del Gobo e sua irmã Angela Tonon. Consegui essas informações em um site de arquivo público do Espírito Santo (APES) de imigrantes Italianos. Nesse site ainda dizia que eles chegaram em 08/11/1879, ele com 34 anos de idade e originário de Vittorio Veneto.
    A partir disso, comecei as buscas no comune de Vittorio Veneto e por e-mail mesmo consegui o certificado de matrimônio dele com a Celeste Brani mas, lá no Comune não tinha a certidão de nascimento dele. Me explicaram que no ano em que ele nasceu ainda não havia registro no Cartório, só registro de Batismo na paróquias.
    Na certidão de casamento dele não dizia qual o Paroquia ele havia sido registrado, só confirmava sua idade e o nome de seus pais ( Maria del Gobo e Matteo Tonon).
    Bom, ai que ficou mais complicado porque na região de Vittorio Veneto existem muuuuitas igrejas e eu não fazia ideia de onde começar. Pra me ajudar, ainda disseram que poderia ser impossível encontrar o registro dele pois durante a guerra muitas igrejas foram destruídas e com elas vários documentos.
    Mas eu não desisti.
    Encontrei um site, que agora não lembro o nome, onde havia o endereço eletrônico de várias igrejas daquela região e, enviei email para todas que encontrei.
    Todas me responderam, algumas demoram um pouco mais que outras. A paróquia di Serravale me respondeu em 20 dias dizendo que haviam encontrado o registro do meu trisavô e anexaram uma cópia em Pdf para que eu pudesse ver o documento. Me pediram o endereço para entrega, e assim, como foi com o Comune, me enviaram o documento pelo correio sem cobrar nada, nem pelo envio nem pela emissão do documento.
    Agora tenho toda a documentação em mãos. Ia fazer meu processo na Itália mas, agarrei na questão dasRetificações e vou tentar aqui no Brasil mesmo pois aqui, pode ser que não exijam essas correções. A pior delas é o nome da minha trisavó que de Celeste Brani passou a ser Celeste Abramo e por último Celeste Casagrande.
    Uma ideia seria você já enviar um e-mail para o Comune. Eles demoram um pouco mais respondem sim e isso adiantaria muito sua viagem.
    Já fui pra Veneza a passeio, na minha lua de mel, e é linda e encantadora ainda mais porque Minha trisavó, Celeste Brani, nasceu em Veneza.
    Tenho muita vontade de voltar a Itália e conhecer Vittorio Veneto também.
    Essa “volta ao passado” é muito legal e a gente sente uma ligação muito forte com o lugar, com as pessoas.
    Já falei muito né. Espero que o meu relato te ajude a encontrar os documentos que você precisa.
    E se eu puder te ajudar em mais alguma dúvida que você possa ter pode mandar um e-mail para thalitalozer@gmail.com.
    Um abraço!

  • Silvia Titotto

    Olá, Fabio!
    A certidão em inteiro teor do óbito do meu bisavô não contém filiação (nem nome do pai nem da mãe dele), nem nome dos filhos (onde estaria meu avô). Mas o seu nome e sobrenome do falecido estão certos, a idade em que morreu bate com o nascimento e o lugar de falecimento é o mesmo do casamento. O que fazer? Pode ficar assim?
    Obrigada!!!

  • Vinicius

    Olá Fabio! Parabéns pelo blog e pelo canal! 🙂

    Gostaria de tirar uma dúvida que não encontrei em nenhum post:

    Meu triavô Italino possui o sobrenome ‘Dus’ nas certidões de nascimento e casamento (italianas). Já na de óbito brasileira, o sobrenome consta como ‘Duzzo’.

    A partir daí, do meu bisavô até mim o novo sobrenome foi utilizado (Duzzo).

    Minha pergunta é: Baseando-se no fato que a cidadania é transmitida pela linhagem e não pelo sobrenome, eu preciso fazer a retificação apenas dos documentos

    onde costam o nome do meu triavô, ou de toda linhagem até chegar a mim??

    Muito obrigado desde já 🙂

    Abraços!!

    • Olá Vinicius, somente o oficial do comune ou consulado onde você realizará o seu processo pode responder esta sua dúvida. Abs

  • victor augusto

    Ola fabio, tenho duas duvidas, o sobrenome do meu bisavô é guttardello, o do meu avô, gottardello, o meu Gotordelli, sera que preciso retificar?
    E se precisar, tenho que arrumar de toda a familia ou apenas o meu do meu pai e do meu avô?

  • Mariana

    ??

  • Olívia Avanci

    Oi Fábio, boa noite!

    Tenho duas dúvidas principais nesse momento. Primeira, meu tataravô se chamava Angelo Avanzi e nasceu na Italia e portou no RJ. Meu bisavô já passou a ter o sobrenome João Avanci , nascido no interior de SP e que multiplicou o sobrenome até os dias atuais. A pergunta é, preciso retificar essa mudança de letra de c para z?
    E a segunda pergunta é… Desculpe a pergunta ignorante, mas prefiro ser besta agora do que ter todo o trabalho jogado na lama. Para retificar eu preciso ir em cada cartório onde os meu parentes foram registrados, ou eu levo em um só e por meio online eles se comunicam a fim de evitar que eu faça turismo por toda interior e capital de SP?
    Desde já obrigada pela ajuda!

    • Olá Olivia tudo bem?

      Infelizmente este tipo de dúvida só pode ser respondido pelo oficial do comune onde você pretende dar entrada no seu processo, pois cabe a ele decidir se deve ser corrigido ou não, ok? Eu recomendo sempre a correção, para evitar problemas. Abs

  • Mariana

    Olá Fábio estou com um grande problema nas minhas buscas encontrei quase todos os documentos para minha cidadania me enquadro na 48 e vou fazer o processo via Itália porém minha bisavó que é filha de italianos não tem certidão de nascimento lavrada e não,queria tem que fazer o assento deste documento pois pode demorar muito porém a certidão de casamento e óbito dela eu encontrei e todos os demais documentos eu consigo da entrada no consulado aqui no Brasil e na Italia sem a certidão de nascimento da filha dos Italianos?

  • Bruno Furlan

    Boa tarde Fabio,

    Na minha documentação tem o erro no sobrenome da mãe do meu Antenato Italiano, tem documento que o sobrenome dela esta como Violato e outro Violatto, tem que corrigir isso?

    Grato

  • Michael Scain

    Olá Fabio,
    na certidão de óbito de meu antenato, o nome dele está Florindo Contó, e na certidão de nascimento da Itália está Fiorindo Conto’. A data de nascimento dele na certidão de óbito diz 15/07/1882 e na de nascimento da Itália, informa 20/09/1880. Preciso retificar o nome e sobrenome já que existem algumas variações? ou só retifico a data que está bem diferente?

    Obrigado

    Michael

  • Lucas Soprani

    Olá Fabio ! Parabéns pelo blog e pelo canal !

    Se eu mandar retificar meus documentos e eles demorarem mais de 6 meses no processo, eu acabo excedendo o limite de 6 meses concedidos pelo consulado em São Paulo ? ou este prazo de seis meses se tem a partir da retificação ?
    Obrigado !

    • Olá Lucas, os 6 meses são depois de legalizados. Abs

      • Lucas Soprani

        Ótimo Fabio ! Muito grato ! Acabei de receber a certidão do meu antenato, logo mais entraremos em contato para acertarmos sobre a acessoria. ( Só pra matar de vez.. 6 meses a partir da legalização no MRE )

  • Bruno Furlan

    Boa noite Fabio,

    E em caso de tradução do nome, no meu caso meu bisavô se chamava Giuseppe e quando chegou no Brasil virou José, precisa corrigir também? Grato

    • Olá Bruno, neste caso não pois isso não é considerado erro, apenas “abrasileiramento”. Porém é importante que todas as variações do nome do italiano que constem nos documentos brasileiros sejam reportadas na CNN, ok? Abs

      • A.Callegari

        Boa Noite Fabio,

        No meu caso é bem semelhante ao do Bruno acima, o meu antenato (Trisavô) tem como cognome “CALLEGARI” e somente na certidões de meu avô saíram como “CALEGARI” , existe a necessidade de correção ?

        OBS :pretendo fazer com sua assessoria , nos comunes que atua são aceitos essa diferença de uma letra igual ?

        • Nos comunes onde trabalhamos não são aceitos erros nos sobrenomes – no seu caso seria necessário retificar sim. Abs

  • Nylmara

    Olá,
    O problema do meu pai é ao contrário, uns dos meus irmão foi atrás da nossa cidadania italiana, e no processo ele alterou o sobrenome de Conduta para Condotta. Recentemente meu pai foi assaltado, e levaram inclusive o RG dele, por esse motivo ele pediu uma segunda via da certidão de divórcio para fazer outro, mas na nova certidão o sobrenome dele também veio Condotta, entretanto em nenhum momento ele pediu por essa alteração. O cartorário disse que a alteração ocorreu por autorização Judicial. Como ele não quer essa alteração, de que maneira ele deve proceder para voltar ao sobrenome antigo?

    • Olá Nylmara neste caso ele terá que entrar com um novo pedido judicial para alterar o seu nome ao anterior. Abs

  • Camila Pellicciotti Vaccani

    Oi Fábio,
    Se a justiça indeferir o processo de retificação está tudo perdido, ou vale entrar em contato com o comune e averiguar se eles aceitam as divergências? Obrigada
    Camila

  • Rafael Italiano

    Mais uma contribuição formidável à comunidade ítalo-brasileira. Congratulações por mais este trabalho excepcional Fabio!

  • Roger Costa Uzai

    Ola Fábio, tudo certo?
    Bom, meu bisavô se chamava Francesco (Francisco), filho de Raimondo (Raimundo). Porém quando o já Francisco foi se casar no Brasil, colocaram na certidão de casamento dele que ele era filho de Francisco, isso mesmo, colocaram o nome dele no nome do pai. Mas na certidão de nascimento do meu avô (Antônio), filho de Francisco, consta que Antônio é neto de Raymundo (Raimondo).
    Não sei que merda foi essa, só sei que foi assim.
    O que devo fazer?

  • Talita Fernanda Borges

    Podemos nos falar? E-mail talitafborges@gmail.com

  • Talita Fernanda Borges

    Flávia, meus descendentes são Barioto. Meu antenato é José Barioto, será que somos parentes?

  • Rafael Migliorini

    Olá Fabio,

    Encontrei um problema na certidão de nascimento e casamento do meu avô, nelas não constam o nome do Pai dele, somente o da mãe, pois acredito que os pais dele não chegaram a casar, e quando foi registrado só foi colocado a filiação materna.
    Porém, o Pai que é filho de italiano.vou ter algum problema em incluir o nome do pai na certidão dele? O que sugere que eu faça?

    Obrigadissimo e parabéns pelo ótimo trabalho!

    • Olá Rafael, infelizmente se não houve a declaração explícita da paternidade do pai ao filho no documento de nascimento dele e sem o casamento civil dos pais não existe o direito ao reconhecimento.

      • Rafael Migliorini

        Muito obrigado pelo esclarecimento.
        att
        Rafael

  • Rafael Colmanetti

    Olá Fábio, tudo bem? enviei um email pra você, porém me surgiu uma dúvida agora. Ao pedir no cartório a retificação dos documentos, eu preciso deles em inteiro teor e depois fazer o pedido? Eu tenho os documentos aqui, porém já fiz as legalizações e traduções. Eu perdi tudo isso que fiz? É possível usar os documentos em inteiro teor que tenho aqui para fazer o pedido de retificação? Obrigado pela atenção.

    • Rafael já respondido por email, por favor não faça a mesma dúvida em vários canais, não é justo com meu trabalho e com os outros leitores ter que responder diversas vezes a mesma coisa. Abs

      • Rafael Colmanetti

        Olá Fábio, me desculpe, eu realmente não tinha intenção de atrapalhar.
        Att, Rafael.

  • Ana Braga

    Ola Fabio!
    Em meus documentos o sobrenome da mae do meu antenato consta diferente em sua certidao de nascimento e casamento, mas ela nao faz parte da minha linha direta de genealogia (todos os documentos dos integrantes da arvore genealogica estao corretos, penso eu assim nao afetando a transmissao da cidadania). Sera que preciso retifica-la?
    Obrigada e parabens pelo otimo blog!

  • Juliano

    Olá Fabio,

    O nome italiano do meu avô era GIORGIO PARO e quando chegou a Brasil foi alterado para JORGE PARRO (tradução do nome e acréscimo de um “R” no sobrenome).

    Neste caso é necessário ratificar todas as certidões na linha de descendência? A família toda terá que mudar o sobrenome? Como fica?

    Obrigado!²

  • Rodrigo Lins

    Olá Fábio, tudo bem?
    Tenho já toda documentação do Brasil em inteiro teor e ocorrem alguns problemas na certidão de batismo da Itália e alguns erros de grafia no Brasil. O nome do pai do meu bisavô na certidão de batismo dele está escrito Giuseppe ao invés de Arthur (Não sabemos por qual motivo!). Algumas certidões do Brasil estão com o nome em Artur ao invés de Arthur que é o nome do pai dele e a certidão de batismo da Itália o nome dele está como Enrico e não Henrique. Irei ter problemas? Vou ter que retificar? O nome da mãe dele aparece como Carmelina em algumas certidões do Brasil. E o sobrenome da mulher dele também erraram que era Storti e colocaram Stort no nome dos pais dela.

    Nome do pai do meu bisavô: Arthur Carnicelli
    Nome da mãe do meu bisavô: Carmelinda Carnicelli (antigo Barsocchi)
    Nome do meu bisavô: Henrique Carnicelli

    Estamos travados aguardando uma posição do padre da Itália para fazerem a alteração do nome, que acho bem difícil de realizarem. Poderia dar uma luz, contratamos um advogado? Vai adiantar?

  • Fábio Gós

    Olá Fabio,

    Na certidão de nascimento de meu antenato italiano, o nome da mãe dele foi escrito errado: escreveram Catterina ao invés de Carolina.
    Minha dúvida é se devo fazer a retificação no documento italiano ou fazer as alterações em todos os documentos brasileiros que constam o nome da Carolina, para trocar por Catterina.
    Caso deva ser feita essa mudança no documento italiano, como devo proceder?

    Obrigado.

  • Olá Renan

    Se seu antenato é português não tenho como te ajudar, pois conheço apenas os procedimentos para a cidadania italiana. Abs

  • Samuel Rossi

    Olá Fabio,

    O nome do meu bisavo era Stefano Rossi e todas as suas certidões estão certas, porém nas certidões do meu pai e do meu avô o nome consta como Estevão Rossi. Preciso retificar??

  • Renan

    Fabio, vou tirar minha minha cidadania depois que meu pai pegar a dele atraves do meu falecido avo! Mas o problema esta na documentacao do meu avo que mentiu em tudo para poder se casar e morar no Brasil, desde idade a nacionalidade terao de ser alteradas em diversos documentos, nos da minha avo a idade dele na certidao de casamento e na dele a certidao de casamento e obito.. Acredito que temos apenas a certidao de nascimento dele original de Portugal para fazer todo esse processo, voce acha que vou ter muita dor de cabeca pela frente? vou precisar de advogado?

  • André Sanches

    Olá,

    Estou com dúvida quanto a filiação, meus pais viviam em união estavel, minha linhagem italiana passa pela minha mãe, porém somente o meu pai foi o declarante na minha certidão de nascimento, vi que pela lei italiana neste caso os dois teriam que comparecer no cartório. Que tipo de documento eu preciso solicitar para que minha mãe me reconheça como filho legítimo, segundo as leis italianas? PS. Meu pai é falecido, porém não possui linhagem italiana, minha mãe está viva.

    Abraços

    • Olá Wolf procure o artigo sobre a eleição de cidadania. Abs

  • Tony Lot

    Fabio, meu bisavô nas certidoes da italia é Ciancio Benedetto, Aqui virou Benedito Ciancio, precisa alterar??

    • Olá Tony

      Neste caso não, pois o sobrenome continua correto e o que aconteceu foi o “abrasileiramento” no nome dele, tal qual Pietro/Pedro, Giuseppe/José, Giovanni/João e assim por diante. Nestes casos, onde o nome foi abrasileirado não é necessário retificar, basta que todas as variações e abrasileiramentos constem na CNN. Abs

  • Leandro G. de Almeida

    Fábio, eu tenho muitas dúvidas e vou tentar me fazer claro sobre minha situação. Meus trisavós italianos chegaram ao Brasil com 4 filhos, dentre os quais sou descendente de um deles Umberto Graziosi. Nesse meio tempo o sobrenome foi alterando muitas vezes tanto dos meus trisavós como do meu bisavó e seus irmãos. Umberto(meu bisavô) se casou com Elvira de Almeida e no registro de casamento e de falecimento, Umberto Graziosi se tornou Umberto Gracioso e Elvira de Almeida Graziosi se tornou Elvira de Almeida Graciosa (no de óbito).
    Eles tiveram um filho Alvaro(meu avô). Alvaro deveria se chamar Alvaro de Almeida Graziosi(afinal o sobrenome do pai vem por último) mas se chamava Alvaro Gracioso de Almeida(sobrenome da mãe dele, minha avó acabou vindo no final).
    Alvaro se casou com Sebastiana de Almeida e Silva(coincidentemente ela já tinha Almeida também) e tiveram meu pai: Sidney.
    Meu pai deveria se chamar Sidney de Almeida Graziosi, mas se chamava(já faleceu) Sidney Gracioso de Almeida e Silva.
    Perceba que a ordem dos sobrenomes está totalmente equivocada e o Graziosi foi se aportuguesando até se tornar Gracioso. Por fim eu me chamo Leandro Gracioso de Almeida e Silva e queria alterar para Leandro de Almeida e Silva Graziosi (e quem sabe suprimir o Silva).
    Depois desse rolo todo (espero que vc tenha entendido rssr) eu gostaria de saber: preciso necessariamente retificar o Graziosi e a ordem de todos os meus antepassados, ou posso simplesmente mudar a ordem dos sobrenomes e retiticar somente no meu caso, mas mantendo a ordem do sobrenome deles? Se eu tivesse que retificar os Gracioso para Graziosi deles mas pudesse manter a ordem dos sobrenomes ficaria bem mais fácil. E quanto as taxas do cartório, você tem ideia de valores? Obg

    • Olá Leandro

      Você precisa corrigir sim o sobrenome incorreto, porém não se preocupe com a ordem dos mesmos, pois isso é irrelevante ao processo de reconhecimento; não adianta querer mudar seu nome pois o comune italiano deverá transcrever a sua certidão de nascimento com o nome que recebeu ao nascer – qualquer mudança posterior será desconsiderada. Abs

      • Leandro G. de Almeida

        Obrigado pela pronta resposta Fabio. Só ficou uma última dúvida, se eu quiser então inverter a ordem do sobrenome isso não representará nenhum empecilho pra tirar a cidadania correto?
        Abs

  • Leandro G. de Almeida

    Fábio, eu preciso necessariamente trocar o sobrenome dos meus antepassados? Isto é no meu caso, pai, avô e do meu bisavô, ou eu posso somente retificar o meu? Porque no momento eu só tenho interesse em alterar meu sobrenome, não quero entrar com o processo de cidadania italiana. E quanto as taxas do cartório, você tem ideia de valores? Obg

  • Olá Carina

    Primeiro você precisa obter o documento em inteiro teor, caso contrário não terá como ver todo o conteúdo e com isso não terá como saber se contém erros escondidos, ok? Abs

  • carina

    A certidão a ser retificada já tem que ser em inteiro teor? Ou levo a certidão simples e depois que retificar peço inteiro teor? Obrigada

  • Ricardo Wagner Gomes

    Olá Fabio tudo bem? acompanho a pouco tempo mas o minha saga já me ajudou a tirar muitas dúvidas. Em relação a retificação tenho a seguinte dúvida: O trisavô italiano da minha esposa Antonio Romano, na sua certidão de nascimento está filho de Felice Romano e Maria Folino. Em todas as outras brasileiras está filho de Felicio Romano e Regina Romano. Com certeza terei que retificar? Será aceito meu pedido de retificação (mesmo que seja judicialmente)?
    Obrigado pela ajuda e parabéns pelo seu trabalho.

    • Olá Ricardo tudo bem?

      Somente o oficial do comune onde você pretende realizar o seu processo pode responder essa pergunta, ok? Qualquer pitaco ou opinião é completamente priva de fundamento. Abs

  • Olá Rachel tudo bem?

    Se você tem erros nos documentos deve corrigir todos que estão errados e não apenas parte deles, ok? Abs

  • Rachel

    Olá Fábio, parabéns pelo “Minha Saga”. Tenho uma dúvida: Todos os descendentes do ancestral italiano são obrigados a retificar o sobrenome ou isso é necessário somente para o ancestral que confere a cidadania? Ex: meu bisavô (Eugenio Giorgi) passou a se chamar “Eugenio Jorge” no Brasil. A partir disso, minha avó e meu pai possuem o sobrenome “Jorge”. Neste caso, minha avó e meu pai terão de retificar seus nomes tb? Obrigada

  • william

    Fábio boa tarde,

    acredito que o meu será necessario a retificação, pois meu antenato se chama Antonio Verza, e na sua certidão de óbito também consta Antonio Verza, mas na certidão de casamento esta como Antonio Vezza, tomara que consiga extra judicial.

  • Olá Fabio, tudo bem?

    Meu trisavô veio da Itália com mulher e filho(Meu Bisavô – que tinha aproximadamente 4 anos), porem, depois de pesquisar um pouco, descobri que na certidão do meu Avô não constava a cidade em que meu Bisavô havia nascido consta apenas “Brasileiro”.

    Gostaria de saber se, caso meu Trisavô tenha registrado meu bisavô aqui no Brasil, meu direito permanece?.

    E outra, caso permaneça o direito, onde posso encontrar a certidão de meu Bisavô sendo que não consta a cidade de nascimento?

    Muito obrigado!

    Seu blog esta me ajudando muito!

  • Bruno Goulart

    Fábio, boa tarde, tenho dois problema, primeiro que meu trisávo na Itália se chamava Ângelo Luigi Stradiotto e no brasil o Luigi sumiu, em todas as certidões está Ângelo Stradiotto, será que terá problemas? e outra que acho mais sério, a certidão de óbito do meu trisavô não consta como filiação o nome do meu Bisavô e os nomes dos pais dele estão totalmente errados, como na época não tinha muitas noticias chutaram os nomes do pais do meu trisávo, o nome de verdade seria Antonio Stradiotto e Domenica Scachi, e botaram Francisco Stradiotto e Maria Stradiotto, qual o problema sobre isso?

    • Olá Bruno tudo bem?

      Geralmente não é um problema constar apenas um dos nomes italianos, porém somente o oficial do comune onde você pretende dar entrada no seu processo poderá te responder com 100% de certeza esta pergunta.

      Quanto aos erros na certidão de óbito, basta retificá-la – aqui mesmo no blog tem um artigo explicando como funciona a retificação de documentos. Abs

  • Olá Flavia bom dia

    Eu só analiso os documentos que efetivamente serão utilizados para a prática de cidadania, portanto não há como analisar imagens digitais. Abs

  • Flavia Barioto

    Olá Fábio,

    Moro em São Paulo e todos os docs que preciso para o reconhecimento da minha cidadania estão em Santa Catarina (menos a certidão de nascimento de meu antenato, é claro), então localizei todos através do site familysearch, mas não emiti nenhuma certidão ainda pois não tenho certeza de onde encontrar a certidão do antenado, e temo que percam a validade. Após análise dos livros dos cartórios e informações de parentes, que afirmavam que o antenato era de Mântua, achei no site http://ricerchefamiliari.lombardinelmondo.org um italiano que possui os dados muito parecidos com o de meu antenato, inclusive os nomes dos pais. Estes nomes, nas certidões brasileiras, estão “abrasileirados”, e um pouco diferente dos dados que encontrei no site italiano. A pergunta é: vc analisa as imagens dos livros dos cartórios que retirei do family search, ou apenas as certidões emitidas em inteiro teor? Preciso saber se as informações que encontrei no site de Mântua batem antes de eu solicitar a busca da mesma. Não emiti as certidões ainda porque quero economizar o máximo para realizar o processo na Itália. Obrigada e desculpe o texto longo.

  • Olá Juliana tudo bem?

    Não há como responder essa pergunta, pois somente o oficial do comune onde você pretende realizar a sua prática pode te dizer como os documentos devem ser apresentados e se aceita ou não as variações, mesmo que pequenas, entendeu?

    Portanto se você já sabe onde pretende dar entrada no seu processo, entre em contato com o oficial di stato civile daquele comune e veja com ele.

    Se por outro lado, ainda não sabe onde pretende fazer o processo, eu recomendo que todos os erros, por menor que sejam, sejam corrigidos, pois esta é a única forma de garantir que não terá problemas em nenhum comune italiano no que diz respeito a erros e/ou variações, ok?

    Abs

  • juliana thorne

    Oi, Fabio, tudo bem? Meu bisavo e Giovanni Zachhi as certidoes dele estao certas, tipo, a de nascimento,obito e a de casamento estao corretas, mas o sobrenome do meu pai esta errado Zachi so com um “c” ….. a certidao de nascimento da minha avo o sobre nome dela esta certo Zacchi mas a de casamento esta errado esta Zachi, mas na do meu pai o nome do meu bisa esta Zachi errado e da minha avo tambem 🙁 … terei ainda que retificar o sobre nome da minha avo ou/e meu pai?

  • Olá Paulo tudo bem?

    Basta seguir as instruções deste artigo.

  • Paulo Kobayashi

    Meu avô quando chegou ao Brasil ainda no porto teve o sobrenome de KOBAYASHI para kovaiaski , só que ele já faleceu…porém todos os filhos dele tem sobrenome diferente e o meu acabou sendo KAVAYASI…neste caso como proceder…?

  • Victor Marassi

    (postado também no youtube) Fabio, parabéns pelos vídeos e blog!! Assim que reconhecer minha cidadania espero poder contribuir de alguma forma também.
    Minha dúvida é a seguinte: Parte da minha família já reconheceu a cidadania (primos de segundo grau) e não retificaram nenhum documento, porém, isso foi há uns 5 anos atrás pra mais. Analisando os documentos verifiquei que meu antenato é citado com 3 nomes parecidos e meu bisavô com 2 nomes parecidos. Minha tia comentou que não precisou retificar nada, apenas tirou a CNN dos três nomes do meu antenato. Ela e seus filhos reconheceram a cidadania no comune de Trieste. Digamos que eu precise mesmo assim retificar os documentos eu não saberia dizer qual seria o nome correto do meu Bisavô. Você teria alguma ideia de como proceder? Na época que tirei os documentos não tinha tirado em inteiro teor e agora terei de fazer novamente, gostaria de antes de fazê-lo, deixar tudo nos conformes caso seja necessário. Fico no aguardo se possível e desde já agradeço!

    • Olá Victor

      Para saber o nome correto do seu bisnonno basta solicitar ao comune onde ele nasceu o documento de nascimento dele: todos os documentos brasileiros deverão estar uniformes com aqueles dados, ok? Abs

      • Victor Marassi

        Certo, digamos que meu bisnonno tenha sobrenome Marazzi porém todos os seus descendentes tem sobrenome Marassi, contudo, as certidões dizem que são filhos e netos do Marazzi, digo, o nome do meu bisnonno aparece corretamente em todos os documentos mas o sobrenome passado para seus descendentes foi um pouco modificado. Teria problema? Desde já mt obrigado!

  • Guest

    (postado também no youtube) Fabio, parabéns pelos vídeos e blog!! Assim que reconhecer minha cidadania espero poder contribuir de alguma forma também.
    Minha dúvida é a seguinte: Parte da minha família já reconheceu a cidadania (primos de segundo grau) e não retificaram nenhum documento, porém, isso foi há uns 5 anos atrás pra mais. Analisando os documentos verifiquei que meu antenato é citado com 3 nomes parecidos e meu bisavô com 2 nomes parecidos. Minha tia comentou que não precisou retificar nada, apenas tirou a CNN dos três nomes do meu antenato. Ela e seus filhos reconheceram a cidadania no comune de Trieste. Digamos que eu precise mesmo assim retificar os documentos eu não saberia dizer qual seria o nome correto do meu Bisavô. Você teria alguma ideia de como proceder? Na época que tirei os documentos não tinha tirado em inteiro teor e agora terei de fazer novamente, gostaria de antes de fazê-lo, deixar tudo nos conformes caso seja necessário. Fico no aguardo se possível e desde já agradeço!

  • Gabriel

    Fabio,
    Preciso retificar a certidao de casamento no Brasil do antenato italiano.
    O problema sao as datas de nascimento que nao coincidem. Liguei para o cartorio e eles falaram que eu preciso CONSULARIZAR (em Roma) a certidao italiana do antenato. Ou seja, preciso ir ate ROMA (??), legalizar para que a certidao tenha fe no Brasil.
    Nao entendi se é essa posicao do cartorio esta correta, pois a certidao italiana que possuo ja é original, nao bastaria eu traduzi-la somente e se fosse o caso legalizar no mre no brasil?

    • Olá Gabriel

      Infelizmente alguns juizes exigem que os documentos italianos sejam sim reconhecidos pelo consulado brasileiro, porém não é praxe geral – verifique com o seu advogado se isso realmente é necessário, ok? Em caso positivo, entre no site do consulado brasileiro em Roma que lá consta uma lista de tradutores brasileiros reconhecidos por eles, que poderão prestar este serviço a você. Abs

  • Henrique Bolzan Batista

    Oi Fábio,

    Tenho mais uma dúvida.

    No roteiro para o reconhecimento da cidadania italiana publicado no site do Consulado da Itália em São Paulo, há uma seção “Caso de erros nos nomes e sobrenomes italianos nas certidões brasileiras” onde está escrito que “Caso as certidões de registro civil contenham erros, ou os dados (nome e sobrenome) dos ascendentes falecidos ou que não sejam requerentes tenham sido alterados com o passar do tempo, não se deve solicitar a retificação desses registros junto à Justiça brasileira (ex. ascendente italiano nascido Giovanni Battista Bianco e no casamento consta João Batista Bianco)”.

    Essa informação é confusa e me deixou totalmente em dúvida. A certidão de óbito do meu avô (filho do meu antenato italiano) está com o sobrenome escrito errado. Segundo a informação acima, eu não preciso fazer a retificação. É procedente essa informação?

    Obrigado!

  • Olá Jessica tudo bem?

    Infelizmente isso é verdade: nenhum órgão brasileiro é obrigado a aceitar documentos emitidos aqui na Italia sem que estejam legalizados pelo consulado brasileiro (da mesma forma que os documentos brasileiros devem ser legalizados no consulado italiano). Não existem informações sobre isso pois felizmente poucos cartórios exigem estes procedimentos, mas infelizmente não estão errados em pedir isso…

  • JESSICA MENEGHETTI

    Fabio,

    Eu estou com todos os documentos em maõs e agora eu preciso fazer a retificação de alguns dados.
    Eu liguei no cartorio de Araras/SP e eles me disseram que a Certidão de Nascimento do meu Bisavo que veio da Italia não tem valor nenhum aqui no Brasil, a não ser que eu legalize ele pelo consulado brasileiro na Italia, registre-o no cartorio de titulos de documentos no Brasil e depois traduzi-lo para o Portugues.

    Até o momento eu não achei nenhuma informação de esses passos são realmente necessarios , você sabe me dizer se essa informação esta correta? A tradução da Certidão de Nascimento ja não pe necessaria?

    obrigada.
    Jessica M.

  • Thalita

    Fábio, o nome do meu trisavô é Giovanni Battista Tonon. As variações: João Batista Tonon (Batista com um 1 T só) ou Giovanni Tonon (sem o Battista) precisam ser corrigidas? Estou perguntando isso porque vou dar entrada no cartório para retificação do sobrenome da minha Trisavó e ai ser for o caso já peço a retificação deste também.

    • Olá Thalita

      Somente quem pode te responder esta pergunta é o oficial do comune onde você pretende realizar a sua prática, pois é quem decide quais erros devem ser corrigidos e quais não, entendeu? Abs

      • Thalita

        sim, mas como estou pretendo fazer sob sua consultoria (alias, já enviei um e-mail solicitando sua proposta), gostaria de saber a sua opinião quanto a esta retificação. Infelizmente, ainda não posso te enviar as certidões para analise porque só estou com as simples e como vou entrar com o pedido de retificação no cartório, gostaria de adiantar tudo que for preciso.

        • Olá Thalita

          Neste caso você deve me enviar todas as certidões em inteiro teor para que eu as analise e te diga o que deve ser feito. É fundamental que você solicite-as em inteiro teor ANTES de mandar retificar, pois naquele formato pode conter erros e/ou variações que não aparecem nas simples. Abs

          • Ana Silveira

            AHHH, DÚVIDA ESCLARECIDAAA! então devo solicitar as certidões EM INTEIRO TEOR, ANNNTES de refiticar!!!!Desculpe minha dúvida repetitiva e obrigada!

    • Lourival Silva Junior

      Olá Thalita. Tua família tem origem de Vittorio Veneto? Também sou da família Tonon, e estou começando a pesquisar a questão da cidadania.

      • Thalita

        Oi Lourival! Sim, minha família veio de Vittorio Veneto. Inclusive tenho toda a documentação. Se precisar de alguma outra informação ficarei feliz em ajudar. Um abraço

        • Lourival Silva Junior

          Olá Thalita. Nossa bom saber. A princípio só eu mostrava interesse na cidadania. Hoje porém postei no WhatsApp da família este interesse. Os Tonon ficaram em polvorosa, ainda mais quando falei que o prefeito de lá se chama Roberto Tonon. Gostaria muito de informações de tua parte. Sabemos que nosso trisavô Luigi Tonon e sua esposa Angela vieram no vapor Rio Pardo 1889. Estarei em Veneza no final de julho e gostaria muito de aproveitar e pegar todos os documentos possíveis e necessários para o processo. Bom agora vou mangiar uma polenta por aqui ?. Obrigado.
          Enviado do meu iPhone

  • Camila Reis

    Fábio,
    No meu caso, a Certidão de Naturalização está errada. Você teria alguma dica, uma vez que não consigo resposta do Departamento de Estrangeiros em Brasilia?
    Você trabalha de onde?
    Obrigada,
    Camila

    • Olá Camila

      Errada como?

      • Camila Reis

        É a certidão de naturalização de meu avô. O aniversário dele está com o dia errado, e o nome do pai dele está errado, ao invés de Silvestro está Silvestre.

        • Neste caso você precisa solicitar ao Ministério da Justiça que corrija os dados, para constar aqueles corretos.

    • Camila Reis

      É a certidão de meu avô. O aniversário dele está com o dia errado, e o nome do pai dele está errado, ao invés de Silvestro está Silvestre.

  • Beatrice

    Oi Fábio,
    Tenho uma dúvida, minha prima tirou a cidadania há 5 anos atrás com a documentação do meu avô, que é filho de italianos. Toda a documentação foi entregue na comuna da Itália e eu fiquei sem nada, como faço? Tenho que pedir a documentação na Itália para dar entrada no processo novamente, ou como minha prima já tirou eu conseguiria entrar com o processo e dizer que a documentação já está com eles?
    Obrigada,

  • Thalita

    Oi Fábio, tenho uma duvida: supondo que meu antenato seja meu bisavô, eu preciso retificar também os erros contidos nos nomes da minha bisavó e dos pais dela? ou a retificação é só nos nomes da linha direta do antenato?

    • Depende: se estes erros colocam em dúvida a verificação dos dados pode sim ser necessário retificar

  • Erika

    Fabio, sou eu de novo, Erika. Desculpe tantas perguntas…… tirei tambem a CNN e gostaria de saber se ela precisa ser validada em cartorio antes de ser enviada para o ERESP.

    No vice consul italiano da minha cidade a moca que me atendeu nao disse nada mas vi isso escrito em algum lugar… nossa tanta coisa!! Mas nao vou desistir!
    Obrigada e um bom dia

    • Olá Erika

      No site do ERESP consta o seguinte:

      i. O ERESP não dispõe de meios para verificar a autenticidade de documentos digitais. Portanto, é preciso dirigir-se a um cartório em São Paulo e solicitar o serviço de conferência de autenticidade eletrônica, que atesta que o documento emitido por via digital é legítimo.

      ii. Caso o site no qual o documento digital foi obtido forneça uma página atestando ser o documento legítimo, não é preciso certificá-lo em cartório, basta imprimir uma cópia desta página e encaminhar junto com a documentação.

    • Erika

      Obrigada Fabio.

  • Erika

    Ola Fabio,

    Gostaria de tirar uma duvida, por favor.

    Tirei todas as certidoes de inteiro teor mas percebi que tem uma pequena diferenca- por ex.:
    – Na certidao de nascimento italiana do meu bisavo, o nome do pai dele e’- Lazzaro Saiani, mas na certidao de casamento dele consta: Lazaro, com 1 “Z” so’ e o nome da mae esta como Teresa Bortoletti, mas na certidao brasileira esta como Tereza Bortoleti .
    com 1 “T” so’ . Isso tem que ser retificado??

    Obrigada

    Erika

    • Sim, a recomendação atual é corrigir todos os erros e/ou variações

  • Olá Lucas tudo bem?

    Não se preocupe, pois João / Giovanni não é considerado erro, apenas ‘abrasileiramento’ ok? Abs

  • Lucas Lucciola

    Olá Fabio,
    Tenho o seguinte problema. Meu tio já fez todo processo de cidadania, quando minha avó , filha de meu bisavô (ascendete italiano) era viva.
    Bom, por algum motivo quando ela morreu, na certidão de óbito dela colocou-se João Lucciola como nome do Pai, que na verdade era Lucciola Giovanni. No entanto, na certidão de casamento e nascimento consta como Lucciola Giovanni, o nome do pai.
    Isso é problema? terei de retificar a certidão de óbito dela?
    Outro possível problema: Na certidão de nascimento de meu pai está constando como nome do avô materno : João Angelo Lucciola, diferente de João Lucciola ou Lucciola Giovanni. Terei tambem de retificar ? ou é um daqueles erro cujo não apresentam duvidas?
    Vale salientar que nos documentos do meu ascendente italiano, está tudo correto, Lucciola Giovanni em todas as certidões, nascimento , casamento e óbito, assim como nas certidões de casamento e nascimento de minha avó.

    Abcs!

  • Carlos Bernardi

    Olá Fábio.
    Recebi e-mail sobre “Retificação de Documentos Passo a Passo” porém o mesmo está protegido por senha. Poderia enviar a mesma.
    Grato.
    Abs.

  • Gladiador

    Olá Fabio.
    Vc teve problemas com registros tardios em relação aos consulados, no caso SP? Meus trisavós vieram casados da itália, tiveram meu bisavô cujo nascimento foi perdido no cartório daqui, restando a certidão de batismo.
    Detalhe que no casamento do mesmo consta o próprio pai, meu trisavô como testemunha assinando. Não sei se ajuda em alguma coisa no entendimento das autoridades italianas.
    Um abraço.

    • O consulado de SP geralmente não aceita documentos tardios, é preciso tomar muito cuidado com este tipo de documento, pois quando efetuamos um registro tardio, não há o reconhecimento do pai ao filho, pois neste caso é o juiz que aparece como declarante. Todavia, se existe o casamento civil entre os pais e a certidão de batismo, se comprova a filiação e não deve haver problemas com o reconhecimento. Abs

  • Paulo

    Ótimo esclarecimento Fábio, meu conselho é para aqueles que tem dúvida procurar se informar antes de mandar retificar, nem sempre é necessário. É claro que tem muito advogado que adora dizer que precisa retificar sem necessidade… Parabéns pela iniciativa e pela ajuda. Abraços e muita sorte pra vc.

  • Ju

    Bah! Fábio vc tirou um nó da minha cabeça.
    Estou tão enrolada com essa tal retificação.
    Encontrei uma pedra no caminho, um oficial ruim que só.
    Não quis e não quer saber de auxiliar, de retificar, de nada.
    Teve a cara de pau de dizer uma letra não mata ninguém!
    O que eu fiz?
    Pedi
    todas as certidões (um rombo $$$) e vou buscar retificar em outro
    cartório porque os erros começam onde ele casou, vai para outra cidade
    onde foi lavrado o óbito e depois chega no erros na minha certidão que é
    na cidade do oficial maldoso. 3 cartórios. Nunca vi nada tão
    assustador, tantos erros, tantos erros que cheguei a desanimar de tudo
    hoje.
    O oficial pediu que eu buscasse a primeira certidão do Brasil
    que é a de casamento e nesse mesmo cartório pedisse retificação para
    todas as outras, será que isso vai funcionar?
    Sinceramente hoje estou
    um caco de correr atrás dessa tal retificação, parece que tu estava
    ouvindo meu desespero e resolveu abrir meu caminho.
    Muito obrigado Fábio,
    faz os vídeos dirigindo mas, não nos deixa sem vídeos 🙂
    ficamos órfãos sem um videozinho seu
    pode ser bate papo, pode ser qualquer coisa mas, faz vídeos por favor
    sei que tu é ocupado e que Deus está abençoando sua vida com bons frutos e isso só vai aumentar mas, não nos abandone não
    clico no joinha sem terminar logo que abre o vídeo 🙂

  • Marina Silveira

    Oi Fábio,nossa te mandei um e-mail hoje sem ter visto esse texto antes.Que coincidência!Bom sinal!rs Abraço!

  • Viviane

    Oi Fabio, como vai?

    Primeiro quero começar puxando seu saco, kkk, mas não daqueles por qualquer interesse, e sim porque você merece.

    Li no seu post sobre a cidadania via linha materna que você escolheu a advogada Michelle porque: “ela foi a única que nos mandou a sentença completa, sem “apagar” ou “esconder” nenhum dado. Isso chama-se confiança no próprio trabalho e foi exatamente por isso que decidimos fechar com ela”.

    Pois bem, o motivo da minha admiração por você é justamente o mesmo!

    Semana passada eu até cheguei a te enviar um orçamento para busca de certidões, mas aquela era a primeira vez que eu chegava aqui no blog e não tinha a menor ideia do que estava fazendo. Depois de ler o blog quase todo e o sagabook, me senti uma idiota de ter te mandado aquele pedido de orçamento totalmente sem nenhuma informação, kkk

    Depois de ler o sagabook, onde você ensina a fazer parte de um trabalho pelo qual você poderia cobrar (confiança no próprio trabalho!), eu já consegui levantar alguns documentos e Deus queira que eu pouco tempo eu conseguirei localizar a certidão!

    Enfim, quero agradecer de verdade! =)

    Depois que eu conseguir juntar todos os documentos eu quero dar entrada no processo de cidadania (via linha materna). Por onde eu posso te escrever para saber informações detalhadas de como é e orçamento?

    Eu acabei de enviar um e-mail para fabiosaga@minhasaga.org, é isso mesmo?
    Abraços!

  • Rene Isoppo

    Ótimas dicas, estava em duvida como proceder, Valeu

  • Marcelo Mauro

    Muito bom esse artigo. Eu tive que fazer duas retificações na certidão de nascimento do meu avô, uma delas até que era simples, aonde o sobrenome estava escrito incorretamente. O que eu fiz foi levar a certidão de casamento do meu bisnonno e lá eles viram que o sobrenome do bisnonno foi escrito errado e consequentemente do meu avô.

    Mas a maior recomendação que posso dar é ir pessoalmente no cartório. Sei que muitos antepassados chegaram da Itália e foram para o interior de SP (por exemplo) e alguns deles ficaram por lá até a crise do Café. Só depois disso, foram para as grandes cidades. Por telefone eles não queriam mudar nada, mas indo lá, dependendo da cidade, vc fala diretamente com o tabelião e aí tudo muda.
    No meu caso, fizeram todo o pedido para o juiz e em 4 dias, o juiz aprovou. Passou mais 3 dias, já havia sido feito a retificação e já me enviaram a certidão de inteiro teor, com a retificação

    • Adriano

      Ola, como que é feita essa solicitaçao ao juiz ???

      Voce encaminhou o pedido de retificação direto pro forum ou mandou pro cartorio e la o oficial mandou pro juiz ???

      To nesse dilema !!!

  • Guest

    eae Fabio, acho que nao tenho senha… recebi a notificação por email mas também nao consegui abrir, se poder me enviar uma. valeu. Abraços

  • Ana Paula Madureira

    Fábio, qual é a senha para acessar o conteúdo deste post sobre o passo-a-passo da retificação de documentos ?