25 de abril – Festa della Liberazione Italiana

Ciao amigos

Hoje é feriado aqui na Italia pois comemoramos o Giorno della Liberazione – dia que marcou o fim da ocupação das tropas nazi-facistas em território italiano.

No dia 25 de abril de 1945 os italianos conseguiram tomar de volta as últimas cidades que ainda estavam nas mãos dos alemães. Esta data é uma das mais importantes do calendário italiano, pois até hoje as histórias e massacres cometidos pelas tropas nazistas e fascistas estão muito presentes na memória popular.

As pessoas que eram contra a ocupação alemã e também contra a ditadura de Benito Mussolini eram chamados de partigiani.

 

www.anpi.it
www.anpi.it

A Resistenza foi um fenômeno histórico, que culminou na criação da República Italiana lá na frente, em 2 de junho de 1946 onde, através de um referendo popular, o povo aboliu a monarquia e constitui-se assim a República como forma de governo.

O que muitas pessoas não sabem è que ao fim da guerra, já com a Alemanha rendida – è que começou a verdadeira covardia das tropas nazi-facistas: os soldados – jà sabendo que tinham perdido a guerra – enquanto saiam do território, procuraram fazer o maior numero possível de vitimas, matando naquela ocasião milhares de vitimas inocentes…

Segundo a historia participaram dos movimentos cerca de 300 mil pessoas. Alguns estudiosos, porem, afirmam que este número é bem menor.

Os mortos neste período chegaram a 44700 mil homens, outros 21000 mutilados e inválidos e outros 40000 civis deportados. Este período é um dos mais tristes da historia italiana e até hoje existe uma rancor muito grande dos italianos pelos alemães. Não é difícil ouvir um italiano falar mal de um “tedesco”. Frases como: – Tinha que ser tedesco aqui é tão rotineira que já me acostumei.

Até mesmo os padres soltam de vez em quando um: – O papa anterior era muito bom, pena que é tedesco

Muitos me pergunta: Ahhhhh Fabio mas a Italia era aliada dos alemães…

Negativo!!! Não eram os italianos, e sim os fascistas – através de Benito Mussolini que decidiu aliar-se aos alemães.

Por isso hoje é um dia especial: o dia em que lembramos com orgulho quando botamos os covardes nazistas para correr do nosso país…

Muitas músicas foram escritas em homenagem ao movimento partigiani, mas pra mim a melhor delas é Bella Ciao, sempre que a ouço mi viene da piangere, pois imagino a bravura dos nossos heróis, combatendo com suas vidas para que pudéssemos ter liberdade. Abaixo mostro a vocês a versão original da música (com a letra na descrição do vídeo) e outra versão maravilhosa em diversas línguas, vejam:

E claro não poderia deixar de mostrar a vocês a versão talvez mais conhecida no mundo, na voz de Rita Pavone:

E se alguém ainda não tenha se emocionado com os vídeos acima, quero ver não se emocionar com este: no final de uma missa, o padre começa a cantar Bella Ciao e em seguida tira o lenço vermelho – símbolo da resistenza italiana contra as injustiças da guerra (estou em prantos até agora rsrsrs):

Viva a Italia!
Viva i partigiani!
Viva la Repubblica!
Viva o Saga… ops me empolguei…

  • João Carlos Ventola Filho

    Ciao, Boungiorno!

    Primeiramente, parabéns Fabio pelo Minha Saga, e pelo guia em pdf , que ficou muito completo e detalhado, por todo trabalho que você vem desempenhando…

    Tenho duas dúvidas que já procurei bastante e não encontrei respostas, então poderão ser dúvidas de alguém um dia:

    Vou solicitar o pedido na italia da MINHA cidadania… tenho uniao estável com uuma mulher.

    Para termos direito de morar na EUROPA (por exemplo Londres..)

    –> Ouvi falar de um visto de acompanhamento ou algo assim, vc acredita q conseguimos essa permissao dela ficar morando cmg , msm o casamento sendo recente? (casando agora no brasil? ) e qto tempo leva pra um pedido dessa permissao ser aprovado na italia? é rapido ? daria pra conseguir a permissao sem casar?

    Li e vi q tem a lei q dps de 2 ou 3 anos ela pode requerer a naturalização, mas e até lá?

    –> outra duvida q esta me matando rsrsrs…. tenho todos os documentos pra tirar minha cidadania, porem meu bisavo q eh italiano, se registrou em Lucca qdo tinha 12 anos, ele foi achado dentro de uma cesta, entao nao tem pais declarado na certidao… vc acha q isso impede o direito a cidadania, visto que nao ha nada q comprove q ele é filho de italianos , ou seja, q tem o sangue italiano. ???

    Muito obrigado desde já!!