Água na Italia e Dica de Pobre Especial

Muita gente talvez não saiba, mas a água aqui na Italia é um tiquinho diferente daquela que estamos acostumados a beber no Brasil, devido a quantidade de calcário que ela contém.

E dependendo da região, este “tiquinho” pode aumentar para um “tiquão” rsrsrs, vejam o mapa abaixo:

http://www.iscsrl.com

No mapa acima, nas zonas mais escuras a água é considerada mais “dura”, devido exatamente a quantidade de calcário que ela contém.

Isso significa que quando tomamos água da torneira aqui na Italia podemos perceber que ela tem um gosto ruim, diferente da que estamos acostumados no Brasil também tomando da torneira.

O consumo de água mineral aqui é enorme – pra que vocês tenham uma idéia, a Italia é o segundo maior consumidor de água mineral do mundo (o recorde é nos USA), com um consumo anual médio de 200 m3 por habitante.

Muitos clientes e amigos quando chegam aqui me perguntam se beber água diretamente da torneira faz mal: não, a água da torneira na Italia não faz mal, pois o calcário contido nela não vai te matar e nem criar “pedras no rim” como todo mundo pensa rsrsrsrsrsrs

Porém como o gosto dela é muito ruim, dificilmente você vai conseguir passar do primeiro gole sem fazer careta!

Então qual a saída? Comprar água no mercado!

agua na italia

DICAS PARA COMPRAR ÁGUA MINERAL POR AQUI

Nos mercados encontramos dois tamanhos principais para comprar água:

agua
1,5 l

e

agua pequena
0,5 l

A situação mais natural quando vamos ao supermercado é comprar já o fardo com 6 garrafas de 1 litro e meio cada, como vocês podem ver abaixo:

agua pack

O custo da água aqui é ridicularmente barato, pra vocês terem uma idéia, essa água da foto aí em cima, a Levissima é considerada a melhor de todas, pelo sabor (ou falta dele rs) e custa em torno de 0,50 centavos de euro a garrafa. Porém encontramos garrafas – sempre de 1,5l – a aprtir de 0,14 centavos, pois opções é que não faltam:

agua lista

DICA DE POBRE DO SAGA

Praticamente todo mundo quando chega aqui na Italia não tem carro ou qualquer outro meio de locomoção, então carregar fardos de água nas costas não é uma das tarefas mais fáceis. Sem contar a trabalheira para subir a bendita água quando vivemos em prédios (nós vivemos no terceiro andar sem elevador).

Além disso, quando pensamos em nossa viagem para reconhecer nossa cidadania italiana aqui na Italia, são tantos os detalhes que temos que nos preocupar, documentos que não podemos esquecer, procedimentos burocráticos que são obrigatórios que sequer passa pela nossa cabeça coisas bobas, mas que no final das contas podem nos ajudar um bocado se soubermos como lidar com elas.

E nada como um gordinho que mora na Italia para poder nos ajudar com estes pequenos, mas importantíssimos detalhes kkkkkkk

Então vamos ver a dica de pobre mais do que especial que preparei para ajudá-los a resolver este pequeno problema que é comprar e transportar água mineral aqui na Italia 🙂

CARAFFA FILTRANTE

jarra filtrante

Confesso que depois que descobrimos a tal caraffa filtrante nossa vida mudou!!! Ela é prática e nos ajuda enormemente, pois basta colocá-la debaixo da torneira e aguardar a filtragem, que acontece em poucos minutos – não é feitiçaria, é tecnologia!!!

Em qualquer mercado, loja de eletrodomésticos e até mesmo nas lojas xing ling podemos encontrar marcas e modelos dos mais variados, com preços baixos – custam a partir de 15 euros e dificilmente ultrapassam 50.

modelos jarras

Em todos os modelos, já vem incluso o primeiro filtro, que pode durar até 6 meses, o que significa que para a grande maioria das pessoas que vem para o processo de cidadania e depois da sua conclusão viajam a outros países, o custo será único.

Inclusive, encontrei no site da amazon.it uma promoção espetacular da jarra por menos de 5 euros, não sei até quando será válida, cliquem aqui para ver melhor o produto.

Mas a dica de pobre não termina por aí não, temos ainda outra opção tão boa quanto a caraffa, que é a borraccia filtrante:

copo filtrante

A borraccia é uma espécie de copo, que contém um filtro em seu interno e que trabalha exatamente com a jarra, com a vantagem de ser menor e pode ser carregado pra lá e pra cá. Custa a partir de 9 euros (é um excelente presente pra família e amigos no Brasil) e tem também uma outra característica interessante: além de filtrante, ele também é termico, portanto você pode colocá-lo na geladeira e aproveitar a água geladinha enquanto vai com ele por aí rs

CONCLUSÃO

Muito bem queridos leitores, vejam que o sabor ruim da água da torneira não é motivo para desculpas; é possível beber água mineral de forma simples e barata por aqui também. Comprando estes utensílios, com certeza a vida de vocês será muito melhor nestas bandas de cá rsrsrs

Abbracci a tutti e até o próximo post 😉

  • Daphny Hellen

    Interessante. Mas não entendi muito bem, a garrafa filtra a água e retira o gosto ruim?
    Não existe algum tipo de tecnologia que filtre a água através da caixa d’água ou mesmo antes de enviar para as casas?

  • Regiane kristall

    Muito bom!

  • Rebecca Canin de Souza

    olá Fabio!!!
    Achei muito interessante esse assunto sobre a dureza da água da Itália. Estou fazendo um trabalho sobre a água da Itália, porém não encontro muito sobre, então, gostaria de saber se teria mais informações para me fornecer?

    Atenciosamente,
    Rebecca Canin

    • Fabio Barbiero

      Olá Rebecca tudo bem?

      Procure no google.it expressões como “durezza dell’acqua” que vai encontrar bastante material, ok?

      Abraços e bom trabalho!

  • Edlainy

    Haha eu tentei beber a água e não consegui, mas aqui na cidade pegamos água numa fonte, uma casinha onde se tem umas torneiras, como se fossem filtros. Pegamos água toda semana, eu consigo trazer 3l na mochila e venho de bike.
    1l custa 0,05 e sai geladinha, no calor era uma maravilha! Tem a opção natural, semi frisante e frisante. Ciao a tutti!

    • Lilian Nardini

      É verdade Edlainy, aqui na Umbria também pegamos água nessas “casinhas” só que custa 0,05 1,5lt. 😀

  • Beatriz Araujo

    Eu acho que a maior dica de pobre que se pode dar em relação a água, por mais que não seja a mais leve de se carregar rs, são as estações que vc pega água ou de graça ou a preços muito baixos… Aqui onde eu moro, 1,5l custa 0,05… E onde morava antes era de graça… Também moro no terceiro andar de um prédio sem elevador, mas acho que compensa o trabalho…

  • Rafael Rinaldi

    Muito bom o artigo Fábio! Realmente traz algumas “luzes” sobre um tema super importante e que acaba ficando soterrado em tantos procedimentos burocráticos! kk