Marcel Preis – Cidadania em menos de 30 dias

Ciao a tutti!

Nada como chegar ao final do ano com tanto trabalho realizado, tantos novos amigos, tantas alegrias e… um novo recorde de tempo máximo da conclusão de um processo!!!

Pra que vocês entendam, nossos recordes anteriores foram os seguintes:

1 – em setembro de 2008 eu fiz o processo do Moacyr, que durou 46 dias. (muitos talvez não saibam, mas presto consultoria aqui na Italia desde o início de 2008 ;))

2 –  já mais recentemente, em agosto de 2012 foi a vez da nossa queridíssima Camila Vanin, com seus impressionantes 36 dias.

E agora, o que parecia ser um sonho quase impossível se tornou realidade: conseguimos diminuir ainda mais esta marca – 27 dias!

Quando falo tempo máximo, conto o dia da chegada no aeroporto de Pisa até o dia da assinatura, confecção da carta di identità italiana e retirada da certidão de nascimento italiana!!!

Eis que tenho o grande, enorme, gigantesco prazer de apresentar a vocês ele, o detentor deste incrível recorde, o senhor

MARCEL PREIS

marcel preis

Vejam só que beleza a cronologia do processo do Marcel:

16/09 – Chegada na Italia, aeroporto de Pisa;
17/09 – Pedido de residência e demais procedimentos realizados: esperando o vigile urbano;
13/10 – Assinatura da carta di identità e retirada da certidão de nascimento italiana.

Total do processo: 27 dias 🙂

MAS SAGA, COMO ISSO FOI POSSÍVEL, SE TEMOS QUE ESPERAR A NON RINUNCIA DOS CONSULADOS, E ESTES PODEM DEMORAR ATÉ 90 DIAS?

Pois é meus queridos leitores, aqui está a mágica (que foi a mesma utilizada no processo da Camila e do Moacyr): o Marcel também foi beneficiado por um período curto num passado recente, onde o consulado de Porto Alegre entregava junto com os documentos legalizados, a mancata rinuncia – que é o famigerado documento que faz com que os consulados demorem até 90 dias para enviá-los aos comunes, variando portanto o tempo médio de cada processo.

Como o Marcel aproveitou esta época boa, quando foi retirar seus documentos legalizados em POA, recebeu também a non rinuncia e por isso, tão logo o guarda municipal confirmou a sua residência aqui conosco, o comune pôde começar a terminar o seu processo, transcrevendo a sua certidão de nascimento – pois com a entrega da non rinuncia junto com os outros documentos, não havia nenhum motivo para esperar nada dos consulados italianos no Brasil.

Infelizmente esta prática durou pouco (falei sobre disso neste artigo), pois outros consulados italianos no Brasil entraram com um pedido junto a embaixada italiana em Brasilia solicitando que esta (ótima) prática do consulado em Porto Alegre fosse proibida, já que – sempre sendo estes outros consulados – seria impossível toda rede consular italiana no Brasil fazer a mesma coisa, devido a quantidade de trabalho atual.

Sem entrar no mérito da questão, só temos que comemorar mais este feito, agradecendo aos comunes onde trabalhamos pela agilidade e carinho que sempre nos atendem, eis mais uma prova maravilhosa disso.

Vejamos as fotos daquele dia tão especial, que entrou pra nossa história:

IMG_1067 IMG_2340 IMG_2357

Um grande abraço ao nosso querido Marcel, que nos proporcionou momentos incríveis, não somente com o recorde, mas também com bons papos e ótimas trocas de experiência 😉

  • Thai Vanelli

    Faaala beleza ? Cara Estou fazendo o processo de retificação do meu sobrenome porém descobri que o cartório de minha cidade não possui a certidão de nascimento do meu antenato sabemos que ele veio de mantova o que eu faço as agora ?? abraxx

  • Thai Vanelli

    Fabio boa Noite Uma Duvida cara Minha familia ja tem a cidadania só que o
    processo parou no meu avô… os primos da minha mãe puxaram pra parte
    da familia deles ou seja será que está mais fácil eu conseguir ? pelo
    que os primos da minha mae falaram é que eu vou retificar meu nome ( pq
    tem uma letra errada ) e dar continuidade apenas do meu avô seguido da
    minha mãe e dps o meu !! o que você acha ? abraços !!!

    • Olá Thai, os processos são individuais portanto mesmo que um familiar já tenha obtido o reconhecimento, isso não te ajuda. Abs

  • Anderson

    Fabio, boa tarde.
    É o passaporte demorou quanto tempo? Ele teve que volta depois para buscar?

    • Olá Anderson, o passaporte tem demorado entre 20 e 30 dias. Todos os nossos clientes nos deixam uma autorização para a retirada do documento, diretamente na questura onde o documento foi pedido e nós enviamos posteriormente através do FEDEX. Abs

  • Adriano de Oliveira

    Fabio boa tarde e parabéns pelo excelente site! Tenho uma dúvida, caso possa esclarecer…
    Minha esposa e filhos obtiveram o reconhecimento da cidadania italiana pelo Consulado de São Paulo em 2011, e os dados dela e das crianças (inclusive de nosso casamento, ocorrido no Brasil em 2009) foram transmitidos, naquela ocasião, pelo Consulado ao Comune de Roma. Porém, hoje soubemos, ao solicitar minha cidadania por matrimônio, que Roma ainda não registrou os dados transmitidos. Como podemos garantir que a Comune de Roma efetue os registros necessários, e possamos assim obter o Estratto di Matrimonio? Obrigado

    • Olá Adriano, você precisa solicitar gentilmente ao comune em Roma que faça a transcrição, peça ao consulado que envie novamente o documento para transcrição. Abs

  • Juliana Dalmiglio

    Fábio, me tira uma dúvida fazendo favor!
    Estou fazendo o processo em uma cidade próxima de Milao, ja entrei em contato com vc antes!aliás muito obrigada sempre pela atenção!
    Fabio é o seguinte: a resposta da mancata di non rinuncia é arrivata do Consulado,Mas a mulher q lavora no Comune me disse q ela enviou via PEC dois requerimentos um sobre a mancata e um sobre a idoneidade dos documentos (os dois juntos).
    Hoje ela me disse q chegou e eu fiquei super feliz pq pelo q eu li até agora só falta isto!mas ela me disse q está esperando a resposta quanto a idoneidade, e eu educadamente lhe disse q o consulado deve só espedir a mancata e q se houvesse qualquer problema quanto a idoneidade já haveriam falado!
    Eu estou errada ou o procedimento é este?
    Me ajuda Fábio!

    • Olá Juliana

      Isso está acontecendo porque nesta região foram apresentados durante os últimos anos inúmeros documentos falsos, seja por picaretas que se autodenominam a$$e$$ores, sejam por brasileiros que não prestam. E quem é honesto paga o pato, infelizmente o comune tem a prerrogativa legal de pedir documentos adicionais ao consulado, e se um oficial já se prejudicou no passado, vai tomar todos os cuidados necessários para não passar por isso novamente, até porque aqui na Italia absurdamente o oficial tem a responsabilidade civil por erros administrativos. Infelizmente você terá que ter paciência e torcer para que o consulado responda, e isso será uma saga pois como você mesmo escreveu o consulado não costuma responder aos comunes sobre este tipo de pedido. Abs e boa sorte!!!

  • Adriano Donato Couto

    Que maravilha! Parabéns, Marcel!
    Pena que o pessoal de Porto Alegre foi obrigado a mudar os procedimentos!

  • Rafael Carrieri

    Oi Fábio, tudo bem?

    Mudando um pouco de assunto, gostaria de perguntar qual é a maneira que você usa para transportar dinheiro quando vai ao Brasil.

    Como saí do Brasil há mais de um ano e encerrei todas as contas que eu tinha por lá, não sei como funcionam os cartões pré-pagos daqui. Ou ainda se vale a pena trocar dinheiro em alguma casa de câmbio quando chegar por lá e etc.

    Enfim, se você puder me ajudar com dicas sobre essa questão ou até quem sabe um artigo. me ajudaria muito!

    Obrigado,
    Abraços

    • Olá Rafael tudo bem?

      Eu uso apenas cartão de crédito e débito quando viajo pra lá, porém quando chego saco apenas uns 100 ou 200 reais para pequenos gastos 😉

  • Tatiana Cavazotti

    então não é mais possivel sair do brasil com este documento (non renuncia)? meu consulado é o de curitiba.

    • Tatiana sua pergunta me leva a uma reflexão: você leu e entendeu todo o artigo???