Legalizando os meus documentos

Ciao a tutti

Acabei de retornar do consulado italiano em SP, pois fui levar meus documentos para serem legalizados.

Abaixo narro como tudo aconteceu:

Cheguei no consulado (Av. Paulista, 1963 pròximo ao Metro Consolaçao) às 13:30. Lembrando que o horário de atendimento no Consulado Italiano de Sao Paolo é:

Segundas, Quartas, Quintas e Sextas – Das 08:30 às 12:30
Terças – Das 13:00 às 16:30

Cheguei lá e logo vi uma fila imensa para entrar, pois somente é permitida a entrada de uma pessoa por vez. Funciona assim: você aguarda do lado de fora da porta giratória e o segurança te chama. Você entra, diz o que vai fazer, passa a bolsa pelo detector de metais e dirige-se a outro salão onde outro segurança te dá o ticket de espera.

Existem cinco sportelli (guichês) de atendimento. Apenas o número 1 estava fechado (é o que cuida de restituição de taxas consulares). Quando cheguei meu número era 85. Fui atendido às 15:30, ou seja, após 2 (duas) horas de espera. O bom é que há algumas revistas e jornais e dá pra ir treinando o italiano.

No guichê a senhora que em atendeu me perguntou se todas as certidões estavam com firma reconhecida em um tabelionato da capital. Informei que sim, foram reconhecidas no 27º cartòrio. Ela me pediu um xerox do RG e do comprovante de residência – como não havia levado o xerox do RG ela mesma tirou pra mim na hora, foi extremamente simpàtica!

Enquanto tirava o xerox, me deu um papel pra preencher, escrito: “Pedido de Legalização Consular das Certidões Emitidas por Cartório Brasileiro de Registro Civil”.

Preenchi, ela carimbou e colocou o número: 2375

Disse que dentro de um mês o consulado vai me ligar pra que eu retire as certidões. Falei que ia viajar dia 29 de janeiro (essa é a data prevista) e ela pediu pra eu ligar antes da viagem pra saber se estariam prontos os documentos. Como estou com uma pré-reserva de passagem pro dia 29 de janeiro, perguntei caso as legalizações não fiquem prontas eu posso pedir pra alguém retirar pra mim. Ela disse que não há problema algum: basta a pessoa levar o pedido que assinei e fiquei com uma còpia e que eu faça uma cartinha autorizando a pessoa a retirar as certidões pra mim.

Logo mais posto aqui os detalhes da compra da passagem aérea.

PS. As rotinas burocráticas contidas neste artigo estão desatualizadas e servem apenas como referência e consulta.