A Declaração de Hospedagem

A dichiarazione di ospitalità (em português declaração de hospedagem) é um documento importantíssimo a quem vem à Italia realizar o processo de cidadania.

Com ele, garantimos que não teremos problemas na imigração, pois com este documento, declaramos que seremos hospedados na casa de alguém!

Se trata de um documento bem simples, onde constam basicamente os seguintes dados:

  • Seu nome, data e local de nascimento, e número do seu passaporte brasileiro;
  • Os dados do proprietário do imóvel, juntamente com o endereço do imóvel;

Porém atenção: muitos confundem a declaração de presença com a carta-convite – este último documento não é necessário para nós, que vamos à Italia obter o reconhecimento da cidadania italiana com todos os documentos traduzidos e legalizados em mãos.

A carta-convite (em italiano lettera d’invito) é um documento completamente diferente, que deve ser autenticado pelo comune italiano e é utilizado normalmente quanto um estrangeiro que vive legalmente na Italia vai receber um familiar, também estrangeiro.

E para que este último não tenha problemas na imigração, eles fazem este documento, onde se comprova que o imóvel onde este cidadão vive tem condições higiênico-sanitárias para receber mais uma pessoa.

Portanto não confundam os documentos – para nós, cidadãos italianos nascidos no exterior, que viajamos à Italia para o reconhecimento, basta a declaração de hospedagem, que sempre deve ser apresentada juntamente com a fotocópia do documento de identidade italiano da pessoa que vai te hospedar.

O MODELO DA DECLARAÇÃO DE HOSPEDAGEM


 

Dichiarazione di Ospitalità

Pisa, 05.09.2015

La sottoscritta Paula da Silva Sauro, nata a Milano il 24/06/1963, italiana, residente a Pisa (PI), in Corso Garibaldi 1800, con carta d’identità n. 1234567 rilasciata dal Comune di Pisa il 04/08/2006

DICHIARA

Che ospiterà presso la propria abitazione il Sig.re Fabio Barbiero, cittadino brasiliano nato il 16/07/1976 a Sao Paolo – Brasile, con passaporto n. AB 123456 valido fino al 13/05/2007.

Il Sig.re FABIO BARBIERO dovrà provvedere al proprio vitto con i suoi mezzi di sostentamento.

In Fede

(assinatura do proprietário do imóvel)

Paula da Silva Sauro


Basta substituir as partes em negrito pelos dados reais, pedir para a pessoa que vai te hospedar assinar, escanear e te mandar por email.

Ao recebe-lo, você deverá imprimir tanto a folha quanto a fotocópia do documento de identidade italiana da pessoa.

Traga estes documentos na sua bagagem de mão, juntamente com os seus documentos traduzidos e legalizados para a sua prática de reconhecimento.

Ao passar pelo controle de imigração, caso o policial pergunte onde você vai ficar, basta mostrar a carta.

IMIGRAÇÃO VS RESIDÊNCIA

Outra coisa bastante importante e que preciso deixar claro é que a dichiarazione di presenza não substitui nenhum documento e/ou se refere ao pedido de residência no comune.

Este documento serve única e exclusivamente para que você não tenha problemas com a imigração.

O documento correto para a solicitação da residência é o contrato de aluguel ou então a cessione di fabbricato, que você pode entender melhor como ela funciona lendo este artigo.

Qualquer dúvida sobre os procedimentos aqui descritos, é só deixar um comentário 😉