Diferenças Culturais Entre Brasil e Itália – Banho e Bidê

Estava respondendo uma pergunta que me fizeram recentemente, e achei bacana trazer a resposta pra cá.

Falando sobre diferenças culturais entre o Brasil e a Itália surgiu o assunto banho – e que realmente alguns italianos costumam fugir: tanto do assunto quanto do ato em si (claro que sem generalizar 😉 )

Vejamos:

Alguns italianos que conheci durante estes anos todos, tomam 1 (UM) banho por semana.

Quer dizer, estou falando “banho” como conhecemos no Brasil – de corpo inteiro.

Nos outros dias da semana utiliza-se o famoso bidê (bidet).

Antes de continuar, vejamos o que diz a Wikipedia sobre isso:

“In Europa il bidè è utilizzato non solo per il lavaggio intimo personale, in aggiunta alla carta igienica, ma anche per un lavaggio supplementare e opzionale, o per un’igiene corporale giornaliera“.

Isso mesmo que vocês entenderam – para muitas pessoas, o bidê é usado pra higiene diária, dispensando-se assim o chuveiro.

Bom, por aqui existem dois tipos de bidê: o que tem ducha e o que não tem.

Aquele que tem ducha é obvio: utiliza-se a ducha para fazer a higienização das “partes íntimas”.

 

O outro bidê que não tem ducha (arghhhhh!) utiliza-se assim: você o enche de água, e aproveita a “piscina” para lavar as suas coisas.

Isso é o que chamamos de “banho tcheco” 😉

Depois da lavagem escoa-se a agua já com as partes limpas (ou não) rsrsrs


O uso do bidê é algo extremamente normal na Itália.

Cansei de ouvir amigos italianos contando que foram fazer turismo em outros países e ficaram chocados ao saber que as pessoas – após fazer suas necessidades – não faziam uso do mesmo.

Agora, fiquei com uma baita dúvida:

– Será que realmente muitos italianos usam o bidet no lugar do chuveiro, ou sou eu que tenho muitos amigos nascidos aqui que são um tanto quanto exóticos?

Se você mora na Itália e convive com italianos, deixe abaixo o seu comentário 😉