Consulado de SP – Como chegar

Ciao a tutti!!!

Hoje estive na Avenida Paulista com dois propòsitos: ir no consulado de SP para a transcriçao dos documentos das minhas filhas e também definir o local do 2º Sagakontro na cidade de Sao Paulo.

Aproveito pra dar algumas dicas para quem vem de outros estados e nao tem idéia de como chegar no consulado (com transporte pùblico).

CHEGANDO NO CONSULADO

Vamos partir da estaçao central da , se voce chegou em SP através da Rodoviària da Barra Funda ou do Tiete. basta ir até esta estaçao e seguir as instruçoes a seguir:

O trajeto inicia-se na estaçao da Sé (zona central de SP) e termina na estaçao Consolaçao. Este trajeto tem um tempo estimado de 18 minutos!

Na Sé voces devem pegar o trem sentido Jabaquara (linha azul) e descer na estaçao Paraiso. Là basta sair do metro e em frente tem a plataforma verde, onde devem pegar o metro sentido Vila Madalena (linha verde). Ali voces vao perceber a diferença da linha que o povao pega para a linha dos turistas! Nesta linha, até informaçoes em ingles tem, chique nao???

Descendo na estaçao Consolaçao, basta andar 300 metros (cerca de 4 minutos) até o nùmero 1963 da Av. Paulista, onde fica o prédio do consulado italiano em Sao Paulo:

NO CONSULADO

Hoje pude perceber que o consulado mudou bastante desde a ùltima vez que estive là (fevereiro de 2009). Com a nova metodologia de atender poucas pessoas para legalizaçao, o consulado estava praticamente vazio e os atendentes extremamente agradàveis e solicitos!

Logo que cheguei, informei ao sr. que estava na porta que eu precisava legalizar alguns documentos complementares das minhas filhas.

Ele entao, pediu-me para ver os documentos e também pediu meu documento de identidade! Mostrei os docs e também minha carta d’identità italiana e recebi uma senha para que eu pudesse ser atendido nos guiches de atendimento

Aguardei minha vez e – diferentemente das outras vezes – haviam apenas tres pessoas na minha frente! Fiquei torcendo pra ser atendido pela Bruna (que da ùltima vez foi um anjo, me dando diversas informaçoes bacanas) mas fui atendido por outra pessoa, que também me ajudou muito, me dando inclusive algumas orientaçoes que facilitarao a vida das minhas filhas (escreverei noutro post sobre como solicitar a transcriçao dos documentos dos filhos menores direto no consulado).

Pouquissimo tempo depois, sai do consulado feliz, pois pude resolver algumas pendencias e minha filha adorou observar minha conversa em italiano (sim, ela vive me pedindo pra falar apenas italiano com ela, e nao ve a hora de aprender).

Em seguida passamos na FNAC da Avenida Paulista e là tive a idéia de onde fazer nosso Sagakontro, que relato no post seguinte…