Alugando um veiculo na Italia

Ciao a tutti

Aproveito para escrever mais um post daqueles que devem ser impressos e trazidos debaixo do braço, seja pelos amigos que vem para a pràtica da cidadania italiana, sejam por aqueles que vem como turistas – um dia ou outro poderemos querer conhecer as belezas da Itàlia e alugar um carro, nao è mesmo???
 
Antes de mais nada è preciso relembrar a todos que para dirigir um carro aqui na Itàlia è necessàrio a Permissao Internacional para Dirigir juntamente com a Carteira de Motorista Brasileira.
 

 

 
 
Para aqueles que dizem conhecer um primo do cunhado do vizinho que disse ter dirigido na Itàlia sem essa tal PID e nao aconteceu nada jà adianto que tirei a prova diretamente com a policia – e todos sem exceçao me disseram a mesmissima coisa: se um condutor brasileiro nao apresentar a respectiva traduçao do documento (e è exatamente isso que se propoe a PID) o condutor serà considerado desprovido de documento de habilitaçao e portanto serà multado!!!

 

Muito bem – jà relembrados sobre a obrigatoriedade da PID voltamos ao tema central deste artigo: como alugar um veiculo!!!

O primeiro passo è escolher a empresa onde voce pretende alugar o automòvel. Nòs sempre escolhemos o Auto Europe – que pra mim è o melhor site de busca de preços, além de ser ràpido e pràtico.

Antes de conhecer o Auto Europe eu acessava diretamente o site das empresas, que listo abaixo para voces:

 

 

 

 

 

 

 

RETIRANDO O VEICULO – DICAS GERAIS

Muitos amigos jamais alugaram um carro, portanto algumas precauçoes que devem ser tomadas:

O pagamento è feito pela internet atravès do cartao de crédito – jamais tivemos problemas neste quesito, porém sò utilizamos as empresas acima – entao estas eu posso dizer que sao confiàveis!!!

Ao terminar a compra, a empresa te mandarà por email um documento chamado voucher – imprima todas as folhas e entregue no balcao de atendimentos da empresa para retirar o veiculo.

Neste momento, voce deverà apresentar sua carta de motorista e o seu documento de identidade (passaporte brasileiro ou carta d'identità italiana).

Geralmente a empresa te solicitarà uma das seguintes opçoes:

a) A contrataçao de um seguro diàrio em caso de acidentes. Geralmente o valor è menor do que a diària do veiculo – se voce nunca guiou aqui na Itàlia convém fazer. Eu jamais fiz aqui na Europa e graças a Deus jamais sofri algum tipo de acidente.

b) Caso voce nao contrate o seguro, a empresa vai bloquear um valor do seu cartao de crédito – afim de se garantir que caso voce tenha algum problema. Geralmente este valor è de 300 euros e nao è debitado do seu cartao – somente bloqueado. De qualquer forma voce precisa ter crédito suficiente.

Junto com o contrato, voce receberà uma folha com o desenho do veiculo e quais danos existem na lataria (((infelizmente nao encontrei nenhum modelo na internet para ilustrar))).

Dica ùtil: muitas vezes o funcionàrio nao vai com voce retirar o veiculo, por isso confira sempre se o mesmo corresponde a esta folha de danos. Caso exista algum amassado que nao esteja relacionado, volte à loja e peça a presença do funcionàrio. Outro método – que utilizamos – è fazer um filme do veiculo e algumas fotos, caso queiram que paguemos por um dano nao cometido por nòs, basta mostrar as provas 😉

Cuidado na hora de devolver o veiculo – algumas agencias sao tolerantes quanto ao horàrio, outras nao! Se voce pegou o veiculo as 10:00, recomendo tentar chegar às 09:00 para evitar ter que pagar uma diària a mais, ok?

Outra dica importante è em relaçao ao combustivel que deve ser utilizado. Aqui na Europa nao existe alcool, entao voces tem apenas duas opçoes:

Benzina – Gasolina (cor verde)
Gasolio – Diesel (cor preta)

O sistema de cores è porque aqui na Itàlia quem coloca o proprio combustivel nos postos geralmente è voce!!!! (((((mas isso è tema para outro artigo )))))

Muito bem, caro motorista – agora com o seu veiculo na mao, basta curtir as belezas do nosso bel paese. E fiquem ligados, que em breve explicarei a voces – sempre na sessao 'Dirigindo na Italia' – como funcionam os pedàgios por aqui e tambèm como abastecer nos postos self-service.

Pra deixà-los morrendo de vontade de alugar um carro, termino o artigo com uma das fotos da minha querida Toscana 🙂

 

Uma òtima viagem a todos!!!