O formato PLURILINGUE nos documentos italianos

Em um artigo anterior sobre os documentos italianos (que vocês podem ler clicando aqui) eu expliquei quais os formatos mais comuns e como eles se parecem.

Hoje quero apresentar a vocês um formato de documento importantíssimo e que interessa aqueles que pretendem morar em um país aqui na Europa depois do reconhecimento da cidadania – este formato se chama formato PLURILINGUE:

formato plurilingue

UM POUCO DE HISTÓRIA

Lá nos idos de 1976 (ano em que eu nascia na terra da garoa) aconteceu em Viena uma convenção e no final dela assinaram um acordo que continha, entre vários artigos, as seguintes disposições:

Foram criados três tipos de formulários a serem utilizados pelos países signatários do acordo: A, B e C, que significa:

  • A = Certidão de nascimento
  • B = Certidão de casamento
  • C = Certidão de óbito

Com isso, qualquer país que tenha aderido a esta convenção (não somente naquele momento, mas também depois disso, como por exemplo a Lituânia que aderiu ao formato dos documentos plurilíngue somente em 2010) pode emitir este documento, que será aceito por todos os outros aderentes.

Clique aqui para ver a lista dos países europeus aderentes

COMO ISSO FUNCIONA E COMO PEDIR ESTE DOCUMENTO

Se você precisa de um documento aqui na Italia, que sabe que deverá utilizá-lo em qualquer outro país pro aqui, já o peça neste formato, pois desta forma você não precisará nem traduzi-lo nem legalizá-lo, pois ele será reconhecido nos outros países, conforme explicado acima.

Também não se assuste se, ao solicitar a certidão de nascimento ou casamento do seu antenato italiano, o comune te enviar o documento também neste formato.

Os oficiais automaticamente associam o uso de documentos no exterior e acabam muitas vezes emitindo neste formato, que é válido como qualquer outro documento emitido pelo comune.

CASO PRÁTICO

Você mora em Paris e veio a Italia efetuar o seu processo de cidadania, pois é casado e pretende dar um visto para que sua esposa possa viver contigo lá na França.

Depois de assinar a sua carta di identità italiana, vá até o Ufficio di Stato Civile e solicite o seu “estratto per riassunto dell’atto di matrimonio” em “formato plurilingue“.

Desta forma você poderá utilizá-lo sem qualquer tipo de tradução ou legalização na França!

Se, por outro lado, pedir apenas sua certidão de casamento no formato normal italiano, caso precise apresentar este documento para qualquer autoridade francesa, terá que traduzi-lo, gastando dinheiro à toa!

Geralmente o custo da emissão do documento em formato plurilíngue é o mesmo que os outros, apenas alguns centavos, ok?

Pena que a Inglaterra não tenha também aderido a esta convenção, pois a maioria das pessoas acabam indo pra Londres e neste caso o formato plurilingue por si só não ajuda muito quando por algum motivo este documento deve ser apresentado a um oficial inglês (lembrando que é aceito normalmente nos consulados italianos na Inglaterra)

ATENÇÃO: Geralmente este tipo de documento não pode ser solicitado por terceiros, a menos que esta pessoa tenha uma autorização sua, com uma fotocopia do seu documento de identidade italiano!

Um grande abraço a todos e até o próximo post 😉