Como Não Vender o Rim na Itália

Este é o terceiro artigo da série que criei sobre o inverno na Itália, composto por 4 artigos:

  1. Preparando-se para o frio na Itália;
  2. Dicas Práticas de Sobrevivência;
  3. Como não vender o rim para pagar a conta de gás (este artigo);
  4. Dica de Ouro para pagar o consumo real das suas contas.

COMO NÃO VENDER O RIM PARA PAGAR A CONTA DE GÁS

Como não Vender o Rim

Nos artigos anteriores, te contei como é o inverno na Itália.

Compartilhei também algumas curiosidades, como por exemplo a mudança nos horários dos negócios, os tipos de equipamentos para o frio, a corrente para as rodas dos carros, os tipos de roupas e cobertores.

E também te dei uma super dica: se aquecer com o vino italiano 🙂

Neste artigo, quero aprofundar um pouco mais sobre o riscaldamento a gás.

Saber utilizar o aquecimento da sua casa te ajudará a manter as contas em ordem, sem precisar vender o seu rim para pagá-las.

TIPOS DE AQUECIMENTO A GÁS

Como Não Vender um Rim

Quando você vai alugar um apartamento, vai perceber que no anúncio estará especificado o tipo de riscaldamento, que podem ser:

  • Riscaldamento Autonomo
  • Riscaldamento Centralizzato

Abaixo, vou te explicar a diferença entre estes dois tipos, e também vou te dar a minha opinião sobre qual a melhor escolha.

RISCALDAMENTO AUTONOMO

Este tipo de riscaldamento é o mesmo que eu utilizei no primeiro artigo desta nossa série, como exemplo.

Nele, temos as três peças fundamentais do esquema todo, que são:

  • Caldaia
  • Termostato
  • Termosifone

Recapitulando rapidamente cada um deles:

CALDAIA

caldaia

A caldaia é o “motor” do sistema de aquecimento a gás, pois ela é responsável por receber a temperatura do termostato, aquecer e enviar a água para os termosifoni;

TERMOSTATO

cronotermostato-analogico

O termostato é o aparelho que nos permite escolher a temperatura que queremos sentir dentro da nossa casa ou apartamento.

TERMOSIFONE

termosifoni

O termosifone é a parte da engenhoca que “esquenta” por causa da água quente que corre dentro dela – enviada pela caldaia – e por isso distribui o calor para o cômodo onde ela está instalada.

RISCALDAMENTO CENTRALIZZATO

No caso do riscaldamento centralizzato, o controle e a manutenção de todo o equipamento fica a cargo do condomínio.

E a ligação e o controle do horário de permanência do calor também!

Deixa eu te explicar melhor:

Quando você aluga um apartamento cujo condomínio tem o sistema centralizzato, normalmente (salvo exceções) funciona da seguinte forma:

  • O sistema é ligado no final de novembro / começo de janeiro até meados do mês de março;
  • Dependendo da região da Itália, funciona por 6 horas diárias (no caso do sul) até 15 horas diárias (no caso do extremo norte);
  • A temperatura não ultrapassa 20 graus (com um pequeno ajuste que pode chegar a 21 ou 22 graus).

A vantagem deste sistema é que você não precisa se preocupar com as contas, pois tudo é dividido pelo número de apartamentos e pago de acordo com o tamanho e metragem de cada um deles.

Por outro lado, isso também pode ser a desvantagem deste sistema: como os valores são somados, e depois divididos em partes quase iguais a todos – você não tem nenhum controle de quanto vai pagar.

Por exemplo, se no seu prédio tiver seis apartamentos, e nos outros cinco morar pessoas idosas, claramente eles vão estar com o aquecimento sempre ligado, no máximo.

Quando chegar a hora de fazer as contas do consumo, você não terá opção a não ser pagar pela média geral do consumo do prédio!

MINHA PREFERÊNCIA PESSOAL

Todas as vezes que eu aluguei um imóvel na Itália, sempre preferi aqueles com riscaldamento autonomo.

Exatamente porque com este tipo de aquecimento, eu sei quanto vou pagar no final do bimestre.

A propósito de pagamento: a bolletta (conta de consumo) de gás, água e energia aqui na Italia é bimestral.

Portanto, se você está acostumado ao pagamento de contas de consumo mensalmente, fique de olho nisso!

Veja abaixo um modelo que encontrei na internet, de uma conta de energia elétrica:

conta energia elétrica

 

Abaixo da frase ENERGIA ELETTRICA você pode perceber que está escrito: Bimestre dicembre 2010 – gennaio 2011 – ilustrando o que eu disse em relação ao pagamento ser bimestral.

 

DICAS PARA MANTER O SEU RIM

como não vender o rim

Finalmente, depois de explicar a diferença entre o riscaldamento autonomo e centralizzato, eis que chego ao ponto principal deste artigo:

Como economizar com o aquecimento do seu imóvel na Itália

O primeiro problema que devemos considerar é o que eu chamo de “frio psicológico”.

A menos que você viva na serra gaúcha ou em regiões como Campos do Jordão, aposto que você jamais teve qualquer tipo de aquecimento em sua casa no Brasil, correto?

Pois bem, sem este tipo de aquecimento, sempre procuramos alternativas ao frio, como por exemplo comidas quentes e roupas adequadas.

O que eu vejo sistematicamente é a chegada do brasileiro que, quando descobre que existe um troço que esquenta a casa, quer andar de camiseta e bermuda no meio do inverno europeu.

E corre para o Snapchat:

– Aêêê galera, agora sou chique: moro na Europa e tenho aquecimento no meu apartamento.

Peraí.

O primeiro passo para manter o seu rim intacto é deixar de pensar que só porque temos aquecimento, no primeiro ventinho temos que ir lá e ligá-lo.

Quem tem / teve a oportunidade de viver com italianos nascidos na Itália sabe que a última coisa que eles fazem é ligar o aquecimento.

E o fazem exatamente porque sabem o valor que terão que pagar, caso abusem dele!

A seguir, vou te dar algumas 3 dicas importantes, que te ajudarão a manter sua casa quente, sem necessariamente ter que ligar o aquecimento a todo momento.

Dica 1- Manter as janelas e portas dos cômodos sempre fechadas.

Assim como em boca fechada não entra mosquito, em cômodo fechado o frio também não entra 😉

Dica 2 – Usar e abusar de roupas quentes

No artigo anterior, te dei várias dicas de roupas e também te falei sobre os cobertores de plaid.

Dica 3 – Use as cortinas e tendas

Esta dica aprendi com a minha “nonna italiana” – que é uma senhora que vive no apartamento embaixo ao meu.

Ela me disse que quando mantemos as cortinas fechadas e as tendas também fechadas, o cômodo mantém o calor dentro dele.

E QUANDO CHEGAR O FRIO DE ARREPIAR, COMO UTILIZAR O AQUECIMENTO DE FORMA RESPONSAVEL?

frio responsavel

A temperatura ideal em cada stanza (comodo) é:

  • 20 graus nos ambientes onde se trabalha com o computador e se passa a maior parte do tempo;
  • 19 graus onde passamos pouco tempo do dia;
  • 18 graus para os quartos, onde a temperatura mais baixa nos permite dormir melhor.

Existe aqui na Italia uma faixa horária onde o fornecimento de luz e gás é mais barato: entre 20:00 e 7:00 da manhã durante a semana, e durante todo o dia, aos finais de semana.

O que fazemos aqui em casa e que você pode seguir:

Quando aluguei a nossa casa atual, pedi permissão ao proprietário para mudar o termostato.

Ele me permitiu e então eu comprei no Ebay um cronotermostato, veja o modelo do meu:

cronotermostato

Este tipo de termostato me permite configurar automaticamente os dias e horários que eu quero que o aquecimento ligue!

O nosso está programado para funcionar da seguinte forma:

Ele liga todos os dias, das 06:00 às 08:00 – assim quando todos acordam a casa já está aquecida!

Também liga todos os dias das 20:00 às 22:00 – isso permite que durante toda a noite a casa fique quentinha e conseguimos dormir que nem anjos 🙂

Aos finais de semana, acabamos ligando-o manualmente, pois dependendo do frio, acabamos deixando-o ligado por mais ou menos tempo.

Para dar uma ideia de valor, nossas contas de consumo de gás do último inverno foram:

  • 86,18 em dezembro (ref. aos meses de outubro e novembro)
  • 196,62 em fevereiro (ref. a dezembro e janeiro)
  • 174,07 em abril (ref. a fevereiro e março)

Nos outros meses, o valor bimestral é de cerca de 50 euros, quando o gás é utilizado apenas para cozinhar e também para tomar banho.

Lembrando que eu também sigo as mesmas dicas que te dou neste artigo:

Durante o dia, mantendo todas as janelas e cômodos fechados, para manter a temperatura dentro de cada um deles.

Claro que não ficamos de bermuda nem camiseta dentro de casa, mas sim com roupas apropriadas para a época do ano.

CONCLUSÃO

Sei que estas regras parecem muito bobas ou até mesmo óbvias, mas saiba que nos primeiros anos na Itália, já cheguei a pagar 400 euros por bimestre em contas de gás.

Sim, eu gastava cerca de 1000 a 1200 euros por inverno!

Hoje, gasto menos da metade disso, apenas utilizando estas mesmas regras.

Agora imagine chegar aqui sem muitos recursos, vendendo o almoço para comprar a janta e, de repente chega uma conta de 400 euros.

Parece ou não uma boa ideia vender o rim para conseguir pagar?

Pois é!

Espero ter sido didático o bastante, e principalmente ter sido útil, independente se você já mora na Itália ou ainda pretende vir.

Se gostou deste artigo, deixe um comentário abaixo, pois comentários são o termômetro que eu utilizo para saber se o que estou escrevendo está sendo útil ou não, ok?

Um forte abraço e até o próximo artigo!