Pagando contas na Itália

Eu recebo diversos tipos de perguntas – a maior parte dizem respeito ao reconhecimento da cidadania italiana.

Porém tantas outras perguntas pouco ou nada tem a ver com este assunto.

Conversando recentemente com um leitor do blog, ele me confessou que sempre quis tirar comigo diversas dúvidas, mas que as consideravam ‘ bobas’ e por isso nunca perguntou.

Respondi a ele que nenhuma dúvida é boba: quando não sabemos sobre algo, temos que perguntar sim!

Se hoje eu sei tudo que sei, é porque em algum momento, alguém teve paciência e disponibilidade para me ensinar.

Como diria mamãe: ninguém nasce sabendo!

E mais: eu mesmo quando não sei responder alguma dúvida dos leitores ou amigos, vou pesquisar.

E sabe o que eu ganho com isso?

Aprendo tanto quanto ensino!

Falando em dúvidas que podem parecer bobas, mas que no final das contas é super importante, quero falar sobre o pagamento de contas na Itália.

CONCEITO BANCARIO ITALIANO

Na Itália existem muitos bancos, porém poucas agências.

Isso faz com que exista uma comunicação inter-bancos.

Imaginem a seguinte situaçao:

No Brasil sou correntista – por exemplo – do Banco Bradesco e tenho um cartao de débito dele.

Você você sabe, só posso sacar dinheiro numa agência do Bradesco ou quando muito naqueles caixas chamados ’24 horas’.

Se entro no Banco Itaú e insiro meu cartao de débito Bradesco não vai funcionar!

E todos dentro do banco vão pensar que sou louco!

Já aqui na Itália, posso ser correntista do Banco Intesa San Paolo e sacar dinheiro na Banca di Roma (pagando uma pequena taxa, claro)

Ou ainda em qualquer outro banco, utilizando o cartao de débito do meu banco.

E melhor: ninguém vai me achar louco por isso 🙂

Acho que a única coisa que é parecida com o Brasil é o pagamento de contas: neste caso, só posso pagar contas no banco em que sou correntista.

Resumindo: posso sacar dinheiro em outro banco, mas pagar contas não.

BANCO POSTA

Outra coisa um tanto quanto peculiar: o maior banco que existe na Itália (utilizando como critério o número de agências) é…………… o correio!

A Poste Italiane – que é os “Correios” daqui também é banco.

Na verdade, quando eu páro pra pensar, ela é muito mais banco do que correio, veja a imagem abaixo:

Nesta imagem, podemos ver apenas 3 caixas para os serviços bancários, e outros 5 para serviços financeiros.

TIPOS DE PAGAMENTO

Os meios de pagamentos mais comuns na Itália são três:

  • Bollettino
  • Bonifico Bancario
  • Versamento

Bollettino postale

O tão conhecido ‘boleto’ no Brasil, aqui chama-se bollettino.

Tem a principal vantagem de poder ser pago em qualquer agência da posta italiana, sem que você seja correntista

Abaixo te mostro os exemplos mais comuns aqui de bollettino:

Pagando contas na Itália

Esta modalidade de boleto é a mais conhecida e usual, pois praticamente tudo pode ser pago através dela: impostos, taxas e também pagamentos privados.

No artigo sobre o permesso di soggiorno eu mostro o modelo de um bollettino postale

Bonifico bancario

Este nome estranho nada mais é do que a conhecida ‘transferência bancária’ no Brasil.

Quando alguém pede para voce fazer um bonifico, está dizendo que você deve fazer uma transferência da sua conta para a conta dele.

Para isso a pessoa deve te dar as coordenadas bancárias dela, e isso se faz através de um número conhecido como IBAN.

O IBAN na Itália é composto por 34 caracteres (entre numeros e letras) e é um código internacional europeu

Dica útil: normalmente os proprietários de imóveis recebem o pagamento de aluguel através de bonifico, e para isso utilizamos o próprio Home Banking, veja o exemplo abaixo:

 

Versamento

Neste caso, a versao brasileira é o ‘depòsito’.

Eu verso – ou seja – eu deposito um determinado valor numa determinada conta bancària!

Para fazer um versamento, é necessário ter o número da conta da pessoa, e você deve ir diretamente em uma agência do banco dele.

Também serve para o pagamento de taxas e impostos ao governo – ao pagar a respectiva taxa, o banco emite o comprovante do versamento:

CONCLUSÃO

 

Eu sei que ninguém gosta de pagar contas, mas eu não poderia deixar de escrever um artigo te explicando como fazer isso.

Até porque, independente de você morar na Itália, ou apenas vir para o reconhecimento do seu processo, hora ou outra você terá que pagar contas.

Pode ser o bollettino do pedido do seu passaporte italiano, do permesso di soggiorno, de um aluguel, entre tantas outras situações importantes.

Sem contar, que andare alle poste per pagare le bollette é um dos programas mais italianos que existe, logo você não poder perder 🙂