Conversando Sobre a Síndrome do Pânico

Ciao a tutti

Provavelmente você estranhou o título deste vídeo, afinal de contas o que a cidadania italiana tem a ver com a síndrome do pânico, certo?

Síndrome do Pânico

MINHA HISTÓRIA COM A SÍNDROME DO PÂNICO

Há doze anos atrás, eu comecei a ter crises de pânico, quando ainda morava na cidade de São Paulo.

Passei por longos anos me tratando, até que voei pra Itália e quase que milagrosamente, ao chegar por aqui não tive mais nenhuma crise.

Porém, há algumas semanas, o monstro do pânico apareceu novamente na minha vida, quem diria!

Felizmente desta vez as coisas estão muito mais brandas, porém os sintomas são chatos, e resolvi procurar ajuda novamente, tal qual fiz da primeira vez.

Além disso, há alguns dias publiquei um vídeo dentro de um projeto que estou lançando, e lá comentei sobre a minha história com a síndrome, e como isso afetou a minha vida no passado e como eu dei a volta por cima.

Surpreendentemente, recebi inúmeros comentários de pessoas que estão neste momento passando pelo mesmo problema, muitas sem perspectiva.

E por este motivo, achei importante abrir meu coração e falar abertamente sobre isso, pois acredito que isso possa ajudar estas pessoas a entender que temos como resolver!

Se você está passando por isso, ou conhece alguém que esteja, assista o vídeo abaixo para entender como lidar com esta doença, que só aumenta a cada dia.

Espero que de alguma forma, eu consiga ajudar alguém a superar a síndrome, entendendo melhor como tudo funciona!

Deixo também um ótimo vídeo do Dr. Drauzio Varella sobre o mesmo assunto, basta clicar aqui para assistí-lo no Youtube.